Ações da Petrobras caem mais de 10%

spot_img
Compartilhe:

fachada-petrobras-sedeAs ações da Petrobras fecharam o pregão de hoje (28) na BM&F Bovespa com quedas acentuadas e puxaram para baixo o Ibovespa, o principal índice da bolsa, que fechou com queda de 1,85%, a 47.694 pontos. Os papeis Petrobras PN terminaram o pregão com queda de 10,42%, a R$ 9,11, e os Petrobras ON, a R$ 8,69, com baixa de 9,85%.

Na madrugada de hoje, a Petrobras divulgou as demonstrações contábeis do terceiro trimestre de 2014, que mostram um lucro líquido de R$ 3,084 bilhões.

O balanço foi aprovado pelo Conselho de Administração da companhia que, após mais de sete horas de reunião, não chegou a consenso para definir perdas sofridas pela estatal por causa dos desvios de recursos em suas contas, constatados pela Operação Lava Jato.

As ações Petrobras PN chegaram a atingir queda de 11,89% às 13h09, fechando a R$ 8,96, mas se recuperaram levemente no decorrer da tarde. No mesmo horário, as ações ON caíram ainda mais e bateram -12,24%, a R$ 8,46.

O balanço da Petrobras não foi auditado independentemente, mas ainda assim foi divulgado, segundo nota da empresa, para atender a “obrigações da companhia (covenants) em contratos de dívida e facultar o acesso às informações aos seus públicos de interesse”.

O lucro líquido, segundo a Petrobras, foi decorrente da maior produção de petróleo e Líquido de Gás Natural (LGN), que cresceu 6% no período, 118 mil barris/dia.

 

Edição: Veja Timon

Via: Agência Brasil

Compartilhe:
Veja Timon
Veja Timonhttps://vejatimon.com
O Veja Timon foi desenvolvido para suprir os timonenses com informações de um modo geral, onde a política não venha ser o foco central. Um site diversificado e imparcial, trabalhamos para levar um conteúdo de relevância para cidade. Veja Timon - Junto Com o Povo

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Rafael inicia campanha com centenas de veículos adesivados em Timon

O deputado Rafael iniciou a campanha para deputado estadual, visando o retorno à Assembleia Legislativa, na manhã desta terça, 16, na sede do Partido...

Candidatos a cargos proporcionais com base em Timon intensificam agenda visual em primeiro dia de campanha

Veja como está agenda dos candidatos a deputado federal e estadual com base política na cidade de Timon no primeiro dia de campanha. Os nomes...

Em terceiro lugar e fora da disputa num segundo turno, Weverton Rocha vai rever estratégia

Pesquisas apontam que o senador disputa a segunda posição com Lahesio Bonfim. O senador Weverton Rocha, candidato a governador do Maranhão, pelo PDT, deverá, a...
fachada-petrobras-sedeAs ações da Petrobras fecharam o pregão de hoje (28) na BM&F Bovespa com quedas acentuadas e puxaram para baixo o Ibovespa, o principal índice da bolsa, que fechou com queda de 1,85%, a 47.694 pontos. Os papeis Petrobras PN terminaram o pregão com queda de 10,42%, a R$ 9,11, e os Petrobras ON, a R$ 8,69, com baixa de 9,85%. Na madrugada de hoje, a Petrobras divulgou as demonstrações contábeis do terceiro trimestre de 2014, que mostram um lucro líquido de R$ 3,084 bilhões. O balanço foi aprovado pelo Conselho de Administração da companhia que, após mais de sete horas de reunião, não chegou a consenso para definir perdas sofridas pela estatal por causa dos desvios de recursos em suas contas, constatados pela Operação Lava Jato. As ações Petrobras PN chegaram a atingir queda de 11,89% às 13h09, fechando a R$ 8,96, mas se recuperaram levemente no decorrer da tarde. No mesmo horário, as ações ON caíram ainda mais e bateram -12,24%, a R$ 8,46. O balanço da Petrobras não foi auditado independentemente, mas ainda assim foi divulgado, segundo nota da empresa, para atender a “obrigações da companhia (covenants) em contratos de dívida e facultar o acesso às informações aos seus públicos de interesse". O lucro líquido, segundo a Petrobras, foi decorrente da maior produção de petróleo e Líquido de Gás Natural (LGN), que cresceu 6% no período, 118 mil barris/dia.   Edição: Veja Timon Via: Agência Brasil