spot_img
spot_img

Avô é suspeito de estuprar neta de 9 anos

spot_img
Compartilhe:

avo-suspeito-estuprar-neta-nove-anos-de-idade  Suspeito de estuprar a neta de 9 anos em Campo Grande, um motorista de 58 anos afirmou que o crime ocorreu apenas uma vez e que ele não consumou o ato sexual. “Estou muito arrependido, foi sem pensar. Mas ela também me provocou, ficando pelada e se insinuando para mim, tirando fotos no sofá”, afirmou o avô da criança.

O homem prestou depoimento por 40 minutos na tarde de segunda-feira (9). Ele disse ao delegado que a menina o chamou na sala, onde estava nua. “Ela pediu para eu buscá-la e saiu do banho se insinuando para mim, porém o meu arrependimento é grande. Tenho 15 anos na minha firma, todos os meus vizinhos me conhecem”, argumentou o suspeito.

 

Família abalada

Segundo o delegado Paulo Sérgio Lauretto, titular da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), a vítima chegou muito “assustada na delegacia”, acompanhada dos pais. Ela disse que os abusos ocorriam há oito meses e que sempre recebia dinheiro do avô após o crime.

Os parentes estão, com certeza, muito abalados, pois têm vínculo com o indiciado e a vítima. E no meu entender uma criança não tem capacidade para se insinuar da maneira que o suspeito está descrevendo”, disse o delegado.

O homem, que não possuía antecedentes criminais, responderá por estupro qualificado pelo fato de ser ascendente da vítima. A pena pode chegar a 22 anos de reclusão. O inquérito será encaminhado ao Poder Judiciário, de acordo com o delegado.

Entenda o caso

No último domingo (8), a criança chegou em casa reclamando de dores para a mãe e a tia. Conforme o delegado, ela reclamava de “dores no pé da barriga”. A menina foi levada ao posto médico por volta das 16h30 e depois foi encaminhada à Santa Casa.

Durante a madrugada de segunda-feira, por volta das 2h30 (horário de MS), a menina foi atendida, segundo Lauretto. Logo no início da manhã, após o médico suspeitar de abuso sexual, o serviço social do hospital acionou a polícia.

“Hoje, por volta das 7h30 (horário de MS), fomos chamados pela assistente social do hospital. A equipe então se deslocou para a casa do motorista e ele, de imediato, confessou o crime na delegacia, ressaltando que era a criança quem se oferecia para ele”, finalizou o delegado.

 

Edição: Veja Timon

Via: O Globo

Compartilhe:
spot_img
Veja Timon
Veja Timonhttps://vejatimon.com
O Veja Timon foi desenvolvido para suprir os timonenses com informações de um modo geral, onde a política não venha ser o foco central. Um site diversificado e imparcial, trabalhamos para levar um conteúdo de relevância para cidade. Veja Timon - Junto Com o Povo

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

spot_img

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Barras de proteína: quando posso comer e para que servem?

Por Juliana Castelo Práticas, fáceis de carregar na bolsa para qualquer lugar e saborosas! As barras de proteína são opções rápidas para repor os nutrientes...

Equatorial Maranhão alerta para a prevenção de acidentes com energia elétrica por causa dos alagamentos e enchentes

As fortes chuvas estão causando consequências em vários municípios maranhenses. De acordo com informações da Defesa Civil do Maranhão, 15 municípios já decretaram situação...

Uilma Resende sai em defesa dos farmacistas de Timon contra multas absurdas do Conselho

https://youtu.be/iFpOEXb2kds O vereador Uilma Resende denunciou ontem, 10, da tribuna da Câmara de Timon o que ele chamou de concorrência predatória dos grandes grupos farmacistas...