José Aldo ironiza e diz que não viu luta de McGregor: “Fico vendo Sexy Hot”

spot_img
Compartilhe:

O lutador brasileiro José Aldo fez participação especial no programa “Extraordinários”, do SporTV, na noite de domingo. Nos bastidores, o ex-campeão dos pesos-penas do UFC estava bem humorado e com a língua afiada, dentro do clima do programa. Ao ser indagado sobre se havia assistido à vitória de Nate Diaz sobre Conor McGregor, na véspera, “Scarface” ironizou:

– Não. À noite eu fico vendo Sexy Hot, cara – soltou, mencionando o canal à la carte de conteúdo adulto. Informado que a entrevista estava sendo gravada e que a declaração seria usada, Aldo não recuou:

– Não tem problema, assisto mesmo! (Risos)

Se viu o combate ao vivo ou não, José Aldo soube do resultado em instantes, bombardeado por mensagens de amigos contando e comemorando a derrota de McGregor, algoz do manauara em dezembro passado. Minutos depois, o lutador se manifestava nas redes sociais com um post desafiando o irlandês a uma revanche pelo cinturão dos pesos-penas em julho, no UFC 200.

– Já sabia que ia acontecer aquilo, estava só esperando. Quando soube, na hora não pensei duas vezes, já postei logo (no Instagram), sabia que era isso que ia acontecer. Vi (depois a luta). Falei tempos atrás que até o final do ano ele não vai ter nada, nem o cinturão.

Apesar do post, José Aldo sabe que sua revanche não está garantida e, por isso, faz campanha. Mesmo tendo se mantido invicto por 10 anos e reinado sobre os pesos-penas do UFC por cinco anos, o manauara tem a concorrência do americano Frankie Edgar, desafiante número 1 da categoria, para ser o próximo adversário de McGregor. O brasileiro ofereceu seus argumentos para que receba uma nova chance à frente do ex-campeão dos leves.

– Primeiramente, falo: como que vão casar uma luta com Frankie Edgar, sendo que o Frankie é o primeiro que sempre lutou fazendo revanche em cima de revanche. Se você for ver a carreira dele, repetiu três lutas com um, duas lutas com outro, duas lutas com outro, então não vejo como botar isso na minha frente, principalmente eu sendo campeão dominante por anos. Até então, eu era o único campeão do peso-pena que teve, antes de perder para o McGregor. Não tem como querer passar à frente. Frankie Edgar é um bom lutador, respeito ele, mas tem que esperar a vez dele, que não é agora. Espera primeiro, depois que eu vencer o McGregor a gente faz uma revanche – analisou.

Compartilhe:
Veja Timon
Veja Timonhttps://vejatimon.com
O Veja Timon foi desenvolvido para suprir os timonenses com informações de um modo geral, onde a política não venha ser o foco central. Um site diversificado e imparcial, trabalhamos para levar um conteúdo de relevância para cidade. Veja Timon - Junto Com o Povo

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Não esqueça o Zé Gotinha!

Saiba quais os riscos de não vacinar seu filho contra a poliomielite. Por Elainy Castro. Com certeza você lembra dele: Zé Gotinha é um personagem que...

Calor: Cuidados com a pele durante o B-R-O-Bró  

 Esteticista dá dicas sobre hábitos a serem adotados para evitar danos causados pelo sol   Com temperaturas ultrapassando os 40 graus na Capital Piauiense, a atenção...

“Em vinda de Fufuca em Timon, ex-vereador Ramon jr faz discurso emocionante aos seus apoiadores”

Em tom de emoção, o ex-vereador Ramon Junior, falou de sua luta como parlamentar pautada em busca de benefícios para a cidade e com...
O lutador brasileiro José Aldo fez participação especial no programa "Extraordinários", do SporTV, na noite de domingo. Nos bastidores, o ex-campeão dos pesos-penas do UFC estava bem humorado e com a língua afiada, dentro do clima do programa. Ao ser indagado sobre se havia assistido à vitória de Nate Diaz sobre Conor McGregor, na véspera, "Scarface" ironizou: - Não. À noite eu fico vendo Sexy Hot, cara - soltou, mencionando o canal à la carte de conteúdo adulto. Informado que a entrevista estava sendo gravada e que a declaração seria usada, Aldo não recuou: - Não tem problema, assisto mesmo! (Risos) Se viu o combate ao vivo ou não, José Aldo soube do resultado em instantes, bombardeado por mensagens de amigos contando e comemorando a derrota de McGregor, algoz do manauara em dezembro passado. Minutos depois, o lutador se manifestava nas redes sociais com um post desafiando o irlandês a uma revanche pelo cinturão dos pesos-penas em julho, no UFC 200. - Já sabia que ia acontecer aquilo, estava só esperando. Quando soube, na hora não pensei duas vezes, já postei logo (no Instagram), sabia que era isso que ia acontecer. Vi (depois a luta). Falei tempos atrás que até o final do ano ele não vai ter nada, nem o cinturão. Apesar do post, José Aldo sabe que sua revanche não está garantida e, por isso, faz campanha. Mesmo tendo se mantido invicto por 10 anos e reinado sobre os pesos-penas do UFC por cinco anos, o manauara tem a concorrência do americano Frankie Edgar, desafiante número 1 da categoria, para ser o próximo adversário de McGregor. O brasileiro ofereceu seus argumentos para que receba uma nova chance à frente do ex-campeão dos leves. - Primeiramente, falo: como que vão casar uma luta com Frankie Edgar, sendo que o Frankie é o primeiro que sempre lutou fazendo revanche em cima de revanche. Se você for ver a carreira dele, repetiu três lutas com um, duas lutas com outro, duas lutas com outro, então não vejo como botar isso na minha frente, principalmente eu sendo campeão dominante por anos. Até então, eu era o único campeão do peso-pena que teve, antes de perder para o McGregor. Não tem como querer passar à frente. Frankie Edgar é um bom lutador, respeito ele, mas tem que esperar a vez dele, que não é agora. Espera primeiro, depois que eu vencer o McGregor a gente faz uma revanche - analisou.