spot_img
spot_img

Deputado Rafael repercute participação no Encontro Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas

spot_img
Compartilhe:

Na sessão, o parlamentar defendeu a implantação de um órgão gestor de recursos hídricos no Maranhão. Disse ainda que esta é uma pauta que tem abordado frequentemente na Assembleia

Agência Assembleia

O deputado Rafael (PSB) repercutiu, na sessão desta quarta-feira (23)), a sua participação no Encontro Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas, realizado pelo Fórum Nacional de Comitê de Bacias Hidrográficas, realizado de 21 a 25 deste mês, em Natal (RN). O parlamentar defendeu a implantação de um órgão gestor de recursos hídricos no Maranhão, ao anunciar que vai prestigiar, no próximo dia 31, em Teresina, o seminário de eleição do Comitê da Bacia do Rio Parnaíba.

“Desde que entramos na Assembleia, temos abordado essa pauta, que é a luta pela implementação dos Comitês de Bacias Hidrográficas com representantes da sociedade civil. Avançamos, nos últimos anos, saímos de apenas dois para sete Comitês de Bacias, o que já foi um avanço extraordinário. E caminhamos para realizar, no próximo mês, uma plenária do Fórum Estadual de Comitê de Bacias e dar posse às diretorias dos comitês recém-criados”, disse.

O deputado afirmou, ainda, que quatro comitês farão os atos de posse no dia 4 de setembro e que a eleição para o Comitê de Itapecuru será dia 1º de setembro.

“O Comitê é o parlamento das águas, é um órgão gestor que envolve sociedade civil, poder público e usuários. É o órgão para dirimir os conflitos existentes nas bacias hidrográficas do nosso estado”, explicou.

Órgão gestor

Deputado Rafael pediu que o Maranhão implemente com urgência um órgão gestor de Recursos Hídricos, como já tem nos estados do Ceará, Piauí e Pernambuco.

“É uma iniciativa necessária porque, ou se gerencia a água de forma racional ou sofreremos as consequências catastróficas inerentes à falta do produto mais importante do planeta Terra”, acrescentou.

De acordo com o parlamentar, a Secretaria de Meio Ambiente do Estado (Sema) conseguiu concluir o seu Plano Estadual de Recursos Hídricos, mas que é preciso fazer os planos das bacias hidrográficas, além de efetivar a lei complementar que define as outras regiões hidrográficas do Maranhão.

“A Comissão de Meio Ambiente desta Casa, vai dar esse suporte, mas é importante que o órgão gestor, que é o Poder Executivo, também tome para si a responsabilidade de avançar na criação deste órgão gestor de política e recursos hídricos do Maranhão”, concluiu.

Compartilhe:
spot_img

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

spot_img

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Barras de proteína: quando posso comer e para que servem?

Por Juliana Castelo Práticas, fáceis de carregar na bolsa para qualquer lugar e saborosas! As barras de proteína são opções rápidas para repor os nutrientes...

Equatorial Maranhão alerta para a prevenção de acidentes com energia elétrica por causa dos alagamentos e enchentes

As fortes chuvas estão causando consequências em vários municípios maranhenses. De acordo com informações da Defesa Civil do Maranhão, 15 municípios já decretaram situação...

Uilma Resende sai em defesa dos farmacistas de Timon contra multas absurdas do Conselho

https://youtu.be/iFpOEXb2kds O vereador Uilma Resende denunciou ontem, 10, da tribuna da Câmara de Timon o que ele chamou de concorrência predatória dos grandes grupos farmacistas...