Maranhão financiará produções audiovisuais

spot_img
Compartilhe:

Flávio Dino  O Governo do Maranhão vai investir na produção audiovisual em 2015. Depois de firmar parceria com a Agência Nacional do Cinema, órgão vinculado ao Ministério da Cultura, o Governo lançará edital para financiamento de produções cinematográficas do Maranhão. O presidente da Ancine, Manoel Rangel, depois de uma reunião com o governador Flávio Dino, oficializou a ação conjunta que será responsável pelo financiamento de R$ 3 milhões para as produções do gênero artístico.

O Governo Federal disponibilizará um incentivo de R$ 2 milhões através do Ministério da Cultura e com um adicional de R$ 1 milhão por parte do governo estadual, através da Secretaria de Cultura do Maranhão. A partir de Março deste ano corrente, será lançado o primeiro edital para produções maranhenses. Através do projeto “Brasil de Todas as Telas”, o Maranhão passará a integrar o esforço nacional para ampliação e qualificação da produção audiovisual no Brasil.

Para Rangel, Presidente da Ancine,  o estado já possui iniciativas relevantes na área como o “Maranhão na Tela” e o “Festival Guarnicê” de cinema. Porém,  ele ainda ressalta que o estado precisa de uma política pública governamental que articule os produtores e técnicos do cinema no Estado. Este será o primeiro ano em que o Maranhão estará integrado no projeto encampado pelo Governo Federal para incentivo da produção de filmes, séries de televisão, documentários e longas-metragens.

Para Dino, Governador do Estado do Maranhão, as ações estão ocorrendo de forma ativa para o incentivo da cultura. “Nós estamos assim retomando uma trajetória ascendente da produção cinematográfica do nosso Estado, que tem cineastas importantes maranhenses produzindo. E o que nós marcamos agora é que através do edital o Governo do Estado passa a contribuir para a valorização de nossos cineastas,” afirma o governador, que anunciou a parceria aos lado dos seus secretários de Cultura (Ester Marques) e Articulação Política e Assuntos Federativos (Márcio Jerry Barroso).

O edital deverá ser aberto em março de 2015 para a participação do público, pela Secretaria Estadual de Cultura. A secretária de Cultura afirma ainda que os moldes do edital e o público-alvo serão debatidos com as entidades culturais e estudiosos, para atender às reais necessidades do setor.

 

Edição: Veja Timon

Via: ASCOM

Compartilhe:
Veja Timon
Veja Timonhttps://vejatimon.com
O Veja Timon foi desenvolvido para suprir os timonenses com informações de um modo geral, onde a política não venha ser o foco central. Um site diversificado e imparcial, trabalhamos para levar um conteúdo de relevância para cidade. Veja Timon - Junto Com o Povo

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Águas de Timon informa: obras de infraestrutura de esgoto seguem em ritmo acelerado

As obras de esgotamento sanitário em Timon seguem a todo vapor. Entre os dias 5 e 10 de dezembro, a concessionária Águas de Timon...

Após onda de manifestações, procurador-geral do Irã anuncia extinção da polícia da moralidade

Governo irá reavaliar a lei sobre a obrigatoriedade do uso do véu islâmico, e uma modificação deve ser anunciada em 15 dias. Quase três meses...

Alcolumbre e Lira devem bater martelo sobre Bolsa Família fora do teto por 2 anos

O novo prazo para que o programa social fique fora da atual regra fiscal deve ser a única mudança a ser feita no texto...
Flávio Dino  O Governo do Maranhão vai investir na produção audiovisual em 2015. Depois de firmar parceria com a Agência Nacional do Cinema, órgão vinculado ao Ministério da Cultura, o Governo lançará edital para financiamento de produções cinematográficas do Maranhão. O presidente da Ancine, Manoel Rangel, depois de uma reunião com o governador Flávio Dino, oficializou a ação conjunta que será responsável pelo financiamento de R$ 3 milhões para as produções do gênero artístico. O Governo Federal disponibilizará um incentivo de R$ 2 milhões através do Ministério da Cultura e com um adicional de R$ 1 milhão por parte do governo estadual, através da Secretaria de Cultura do Maranhão. A partir de Março deste ano corrente, será lançado o primeiro edital para produções maranhenses. Através do projeto “Brasil de Todas as Telas”, o Maranhão passará a integrar o esforço nacional para ampliação e qualificação da produção audiovisual no Brasil. Para Rangel, Presidente da Ancine,  o estado já possui iniciativas relevantes na área como o “Maranhão na Tela” e o “Festival Guarnicê” de cinema. Porém,  ele ainda ressalta que o estado precisa de uma política pública governamental que articule os produtores e técnicos do cinema no Estado. Este será o primeiro ano em que o Maranhão estará integrado no projeto encampado pelo Governo Federal para incentivo da produção de filmes, séries de televisão, documentários e longas-metragens. Para Dino, Governador do Estado do Maranhão, as ações estão ocorrendo de forma ativa para o incentivo da cultura. “Nós estamos assim retomando uma trajetória ascendente da produção cinematográfica do nosso Estado, que tem cineastas importantes maranhenses produzindo. E o que nós marcamos agora é que através do edital o Governo do Estado passa a contribuir para a valorização de nossos cineastas,” afirma o governador, que anunciou a parceria aos lado dos seus secretários de Cultura (Ester Marques) e Articulação Política e Assuntos Federativos (Márcio Jerry Barroso). O edital deverá ser aberto em março de 2015 para a participação do público, pela Secretaria Estadual de Cultura. A secretária de Cultura afirma ainda que os moldes do edital e o público-alvo serão debatidos com as entidades culturais e estudiosos, para atender às reais necessidades do setor.   Edição: Veja Timon Via: ASCOM