Câmara de Timon recebe servidores dos Correios que foram transferidos para outros municípios

spot_img
Compartilhe:

Se transferências não forem revertidas Timon passará de 18 para apenas 11 servidores dos Correios par atender uma população de mais de 170 mil habitantes


Após a fala dos vereadores no grande expediente da sessão desta segunda-feira, 20, o parlamentares suspenderam a sessão por alguns minutos para se reunirem com servidores dos Correios no município de Timon que foram surpreendidos com transferências de seu local de trabalho para municípios que distam até 300 km de Timon. As transferências prejudicam os servidores, que terão que se mudar repentinamente com suas famílias, e também prejudica o serviço prestado pelos Correios em Timon, que já conta com um contingente de servidores reduzido.

Os parlamentares se comprometeram em entrar em contato com a bancada federal maranhense em Brasília, deputados e senadores, para que busquem a permanência dos 07 servidores que foram transferidos da agência dos Correios em Timon.

O vereador Uilma Resende, presidente da Câmara Municipal, ressaltou que o contingente de servidores dos Correios hoje em Timon é muito reduzido para atender à demanda do município, 18 servidores, e se essas 07 transferências não forem revertidas, Timon contará com apenas 11 servidores dos Correios para atender uma população de mais de 170 mil habitantes.

“A demanda de nosso município hoje deveria estar recebendo mais servidores para atuarem nos serviços postais de nosso município e não perdendo esses trabalhadores. Além disso, esses trabalhadores possuem família, esposa, filhos, que tem suas vidas todas organizadas aqui em Timon, não é razoável que sejam transferidos assim de uma hora pra outra para municípios de mais de 200 km de distância, o que causaria grandes transtornos aos mesmos, pois teriam que reorganizar suas vidas em uma cidade nova. E Timon sairia prejudicada com a precarização do serviço dos Correios em nosso município”, destacou.

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Águas de Timon abre 26 vagas para estudantes da rede pública participarem de Projeto Pioneiros

CLIQUE AQUI E ACESSE O FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO  CONFIRA O REGULAMENTO AQUI Estudantes de escolas públicas de Timon já podem se preparar para concorrer a vagas...

Bolsonaro confirma Braga Netto como vice-presidente nas eleições

Como vinha sendo especulado nos últimos meses, o presidente Jair Bolsonaro (PL) confirmou o nome do general Walter Braga Netto, ex-ministro da Defesa e da Casa...

Thiago Carvalho anuncia início do calçamento em ruas do bairro Vila Monteiro

  O vereador Thiago Carvalho (DEM) anunciou em suas redes sociais uma grande notícia para os moradores do bairro Vila Monteiro em Timon: o início...

Se transferências não forem revertidas Timon passará de 18 para apenas 11 servidores dos Correios par atender uma população de mais de 170 mil habitantes

Após a fala dos vereadores no grande expediente da sessão desta segunda-feira, 20, o parlamentares suspenderam a sessão por alguns minutos para se reunirem com servidores dos Correios no município de Timon que foram surpreendidos com transferências de seu local de trabalho para municípios que distam até 300 km de Timon. As transferências prejudicam os servidores, que terão que se mudar repentinamente com suas famílias, e também prejudica o serviço prestado pelos Correios em Timon, que já conta com um contingente de servidores reduzido. Os parlamentares se comprometeram em entrar em contato com a bancada federal maranhense em Brasília, deputados e senadores, para que busquem a permanência dos 07 servidores que foram transferidos da agência dos Correios em Timon. O vereador Uilma Resende, presidente da Câmara Municipal, ressaltou que o contingente de servidores dos Correios hoje em Timon é muito reduzido para atender à demanda do município, 18 servidores, e se essas 07 transferências não forem revertidas, Timon contará com apenas 11 servidores dos Correios para atender uma população de mais de 170 mil habitantes. “A demanda de nosso município hoje deveria estar recebendo mais servidores para atuarem nos serviços postais de nosso município e não perdendo esses trabalhadores. Além disso, esses trabalhadores possuem família, esposa, filhos, que tem suas vidas todas organizadas aqui em Timon, não é razoável que sejam transferidos assim de uma hora pra outra para municípios de mais de 200 km de distância, o que causaria grandes transtornos aos mesmos, pois teriam que reorganizar suas vidas em uma cidade nova. E Timon sairia prejudicada com a precarização do serviço dos Correios em nosso município”, destacou.