Concurso professores no Maranhão injetará R$ 119 milhões no Estado

spot_img
Compartilhe:
Divulgada uma lista de concursos público pelo Maranhão...
Concursos Públicos no Maranhão

O concurso público para professores da Rede Estadual de Ensino, lançado no início do mês de novembro pelo Governo do Maranhão, injetará R$ 119.126,936 na economia maranhense em 2016. O Edital abriu 1,5 mil vagas e oferece salários de R$ 5 mil. Esta remuneração está entre as maiores para a categoria em todo o país. Os dados são da Secretaria Estadual de Planejamento e Orçamento (Seplan).

A Secretária de Educação do Maranhão, Áurea Prazeres, ressalta a importância do concurso público e dos reajustes salariais. “O governo Flávio Dino tem compromisso com a qualidade da educação. Além do concurso, asseguramos direitos como a garantia da progressão funcional de professores e da aplicação do percentual de 13,01% de reajuste do piso nacional a todas as referências funcionais do magistério. Estes representam passos fundamentais para a valorização do educador”, destacou.

“Todos os anos ficávamos sem saber se os contratos seriam renovados. Agora, com o concurso, além da segurança, temos o reconhecimento do Governo do Maranhão. O Estado terá uma das melhores remunerações do país, o que implicará na melhoria da educação”, ressaltou a professora de Sociologia e Filosofia, Rosenice Frazão, que atua como contratada no Sistema Estadual de Ensino há três anos, ao comemorar o anúncio do concurso.

O presidente do Sinproesemma, Júlio Pinheiro, também ressaltou ser essa uma grande conquista para a categoria. “A eleição direta pra Diretor permite um ambiente escolar mais participativo e fortalece os elos com a comunidade escolar. Oxigena a escola com mandatos pautados num programa de gestão da escola que será apresentado pelos candidatos a comunidade escolar na campanha pra gestor”, destacou Júlio Pinheiro.

A medida que garantirá mais professores para a rede estadual do Maranhão ganhou forte repercussão no país e contrasta com a política de retração salarial e cortes promovidos por outros Estados.

Medidas em prol da educação
Além do investimento em melhoria de salários e contratação de mais professores, o ‘Programa Escola Digna’ substituirá escolas de taipa por unidades de alvenaria, gerando empregos no setor de construção civil dos 151 municípios que se inscreveram, e que serão contemplados ao longo do projeto.

O incremento na economia gerado pelos investimentos em educação também ganhará reforço com o ‘Programa Mais Bolsa Família Escola’, que garantirá recursos para compra de material escolar atendendo 1,5 milhão de alunos. Os investimentos do programa injetarão na economia maranhense R$ 72 milhões por ano, recursos também provenientes do Tesouro Estadual.

 

Edição: Veja Timon

Via: ASCOM

Compartilhe:
Veja Timon
Veja Timonhttps://vejatimon.com
O Veja Timon foi desenvolvido para suprir os timonenses com informações de um modo geral, onde a política não venha ser o foco central. Um site diversificado e imparcial, trabalhamos para levar um conteúdo de relevância para cidade. Veja Timon - Junto Com o Povo

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Mercado de trabalho: Programa de Trainee Aegea está com inscrições abertas para Timon

Os interessados podem se inscrever até o dia 24 de outubro, de forma on-line A Aegea, empresa líder no setor de saneamento privado no Brasil,...

Carlos Brandão é reeleito governador, Timon terá dois deputados e Leitoas saem enfraquecidos do pleito

O governador Carlos Brandão liderou a disputa em primeiro turno pelo governo do Maranhão a partir das primeiras urnas abertas ontem, às 18h, até...

Águas de Timon celebra conclusão do projeto Desvendar Esporte

Nesta quinta-feira (29), a Águas de Timon celebrou a conclusão das atividades do projeto Desvendar Esporte, patrocinado pela Águas de Timon, durante ação no...
Divulgada uma lista de concursos público pelo Maranhão...
Concursos Públicos no Maranhão
O concurso público para professores da Rede Estadual de Ensino, lançado no início do mês de novembro pelo Governo do Maranhão, injetará R$ 119.126,936 na economia maranhense em 2016. O Edital abriu 1,5 mil vagas e oferece salários de R$ 5 mil. Esta remuneração está entre as maiores para a categoria em todo o país. Os dados são da Secretaria Estadual de Planejamento e Orçamento (Seplan). A Secretária de Educação do Maranhão, Áurea Prazeres, ressalta a importância do concurso público e dos reajustes salariais. “O governo Flávio Dino tem compromisso com a qualidade da educação. Além do concurso, asseguramos direitos como a garantia da progressão funcional de professores e da aplicação do percentual de 13,01% de reajuste do piso nacional a todas as referências funcionais do magistério. Estes representam passos fundamentais para a valorização do educador”, destacou. “Todos os anos ficávamos sem saber se os contratos seriam renovados. Agora, com o concurso, além da segurança, temos o reconhecimento do Governo do Maranhão. O Estado terá uma das melhores remunerações do país, o que implicará na melhoria da educação”, ressaltou a professora de Sociologia e Filosofia, Rosenice Frazão, que atua como contratada no Sistema Estadual de Ensino há três anos, ao comemorar o anúncio do concurso. O presidente do Sinproesemma, Júlio Pinheiro, também ressaltou ser essa uma grande conquista para a categoria. “A eleição direta pra Diretor permite um ambiente escolar mais participativo e fortalece os elos com a comunidade escolar. Oxigena a escola com mandatos pautados num programa de gestão da escola que será apresentado pelos candidatos a comunidade escolar na campanha pra gestor”, destacou Júlio Pinheiro. A medida que garantirá mais professores para a rede estadual do Maranhão ganhou forte repercussão no país e contrasta com a política de retração salarial e cortes promovidos por outros Estados. Medidas em prol da educação Além do investimento em melhoria de salários e contratação de mais professores, o ‘Programa Escola Digna’ substituirá escolas de taipa por unidades de alvenaria, gerando empregos no setor de construção civil dos 151 municípios que se inscreveram, e que serão contemplados ao longo do projeto. O incremento na economia gerado pelos investimentos em educação também ganhará reforço com o ‘Programa Mais Bolsa Família Escola’, que garantirá recursos para compra de material escolar atendendo 1,5 milhão de alunos. Os investimentos do programa injetarão na economia maranhense R$ 72 milhões por ano, recursos também provenientes do Tesouro Estadual.   Edição: Veja Timon Via: ASCOM