Hospital de Urgência de Teresina é selecionado para projeto inovador do Ministério da Saúde

spot_img
Compartilhe:

O Hospital de Urgência de Teresina, Prof. Zenon Rocha (HUT), foi selecionado para fazer parte do projeto, “Melhorando a Segurança do Paciente” do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS) que tem por objetivo a redução das infecções relacionadas à assistência à saúde em Unidades de Terapia Intensiva (UTI’s). O projeto é uma iniciativa do Ministério da Saúde, foram selecionados 204 hospitais no Brasil como participantes, com foco em melhorar a segurança do paciente.

Com isso, o HUT passa a ter suporte técnico e metodológico na implementação das diretrizes e práticas de prevenção de infecções, o que possibilita um ambiente hospitalar ainda mais seguro.

Durante o período de dois anos, a equipe da maior emergência pública do Piauí receberá suporte técnico dos profissionais do Hospital Sírio Libanês, através de encontros presenciais, sessões de imersão virtual, visitas educativas, oficinas de trabalho, dentre outras atividades.

Elna Joelane, líder da equipe e infectologista da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), afirma que o projeto além de oferecer maior segurança ao paciente, vai evitar desperdícios de recursos no Sistema Único de Saúde (SUS). De acordo com os coordenadores do PROADI, a estimativa é que em torno de 67% dos erros que ocorrem nos hospitais no Brasil poderiam ser evitados. Por isso, a importância da qualificação contínua.

O Sírio Libanês é um centro de referência internacional em saúde que certamente contribuirá muito através da transferência de sua expertise para o aprimoramento das práticas de trabalho, de ferramentas de gestão, dos nossos processos e procedimentos, reforça o diretor geral do HUT, Fábio Marcos de Sousa.

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Senhor dos Anéis: Moraes manda “CNN”, “Veja” e “GNews” quebrarem sigilo da fonte jornalística

O ministro quer quer o conteúdo das entrevistas com Marcos do Val sejam comparados ao depoimento dele à PF Os três veículos de imprensa...

Proposta de “oposição unida” em Timon terá que enfrentar o primeiro obstáculo: cargos

Nomeações para cargos em Timon deverá ser o primeiro desafio da proposta de união da oposição a começar pelos aliados do governador. Muito embora tenham...

Tudo o que os governistas de Timon não queriam, poderá acontecer em 2024. Oposição trabalha pela união

Oposição de Timon, realizou em São Luiz, ontem, a primeira reunião para tratar da união do grupo e vencer as eleições em 2024. Em reunião,...
O Hospital de Urgência de Teresina, Prof. Zenon Rocha (HUT), foi selecionado para fazer parte do projeto, “Melhorando a Segurança do Paciente” do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS) que tem por objetivo a redução das infecções relacionadas à assistência à saúde em Unidades de Terapia Intensiva (UTI’s). O projeto é uma iniciativa do Ministério da Saúde, foram selecionados 204 hospitais no Brasil como participantes, com foco em melhorar a segurança do paciente. Com isso, o HUT passa a ter suporte técnico e metodológico na implementação das diretrizes e práticas de prevenção de infecções, o que possibilita um ambiente hospitalar ainda mais seguro. Durante o período de dois anos, a equipe da maior emergência pública do Piauí receberá suporte técnico dos profissionais do Hospital Sírio Libanês, através de encontros presenciais, sessões de imersão virtual, visitas educativas, oficinas de trabalho, dentre outras atividades. Elna Joelane, líder da equipe e infectologista da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), afirma que o projeto além de oferecer maior segurança ao paciente, vai evitar desperdícios de recursos no Sistema Único de Saúde (SUS). De acordo com os coordenadores do PROADI, a estimativa é que em torno de 67% dos erros que ocorrem nos hospitais no Brasil poderiam ser evitados. Por isso, a importância da qualificação contínua. O Sírio Libanês é um centro de referência internacional em saúde que certamente contribuirá muito através da transferência de sua expertise para o aprimoramento das práticas de trabalho, de ferramentas de gestão, dos nossos processos e procedimentos, reforça o diretor geral do HUT, Fábio Marcos de Sousa.