ICMS: Clientes do Piauí migram para Maranhão para abastecer com preços mais baratos

spot_img
Compartilhe:

Em Timon, por exemplo, alguns postos vendem com preços mais baratos que Teresina.

O presidente do Sindicato dos Donos de Postos de Combustíveis do Piauí (Sindipostos), Alexandre Valença, afirmou nesta segunda-feira (04) que, sem a redução do ICMS estadual sobre o diesel e a gasolina, os donos de postos localizados em cidades que fazem fronteira com outros estados, como Teresina, podem amargar prejuízos. Segundo ele, os clientes irão começar a abastecer nos estados vizinhos, já que a diferença entre o preço praticado no Piauí e em outros estados que aderiram à redução do ICMS é de cerca de R$ 1,00 por litro.

“Quem tem posto em região de fronteira, como é o que caso de Teresina, ou que faz fronteira com Pernambuco e Ceará, vai ter diferença de preço de R$ 1 ou mais. Ou seja, quem acreditou no Piauí, quem investiu no Piauí, vai quebrar porque o consumidor vai para os estados vizinhos abastecer”, afirmou ele à O DIA TV.

Portalodia.com

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Governador ministra aula de matemática durante abertura do ano letivo de 2023

Rafael Fonteles realizou, nesta segunda, dia 6, solenidade em Altos para marcar início das aulas da rede estadual de Educação. Para marcar o início...

Confira sete alimentos que promovem saciedade   

Nutricionista explica que escolher alimentos corretos traz saciedade e colabora com o emagrecimento saudável   Muitas pessoas iniciam o ano com o objetivo de adotar...

Ingrediente naturais são saudáveis para os cuidados com a pele   

Segundo especialista, para melhores resultados, o uso de produtos naturais na pele e nos cabelos deve ser conciliado à dieta   Os cuidados com a saúde...

Em Timon, por exemplo, alguns postos vendem com preços mais baratos que Teresina.

O presidente do Sindicato dos Donos de Postos de Combustíveis do Piauí (Sindipostos), Alexandre Valença, afirmou nesta segunda-feira (04) que, sem a redução do ICMS estadual sobre o diesel e a gasolina, os donos de postos localizados em cidades que fazem fronteira com outros estados, como Teresina, podem amargar prejuízos. Segundo ele, os clientes irão começar a abastecer nos estados vizinhos, já que a diferença entre o preço praticado no Piauí e em outros estados que aderiram à redução do ICMS é de cerca de R$ 1,00 por litro. “Quem tem posto em região de fronteira, como é o que caso de Teresina, ou que faz fronteira com Pernambuco e Ceará, vai ter diferença de preço de R$ 1 ou mais. Ou seja, quem acreditou no Piauí, quem investiu no Piauí, vai quebrar porque o consumidor vai para os estados vizinhos abastecer”, afirmou ele à O DIA TV. Portalodia.com