Minha pré-candidatura vem para agregar e unir a oposição de Timon, diz Delfino Guimarães

spot_img
Compartilhe:

Dono de um perfil emblemático, onde seu maior atributo é o de trabalhar por Timon, onde mantém o recorde de ser o maior tocador de obras no município durante as duas gestões da prefeita Socorro Waquim, de 2005 a 2012, quando passaram pela presidência os petistas Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, com os quais teve contato direto apresentando projetos que hoje fazem parte infraestrutura de Timon, o engenheiro Delfino Guimarães, ao fazer análise de matéria publicada neste blog, disse que sua pré-candidatura a prefeito da cidade tem um único objetivo: agregar, unir as forças de oposição e que está aberto às conversas que venham convergir nesse sentido, de união, afirmou.

O ex-secretário de Infraestrutura do município, que no passado coordenou campanhas vitoriosas com as duas eleições de Socorro Waquim para Prefeitura e mais recente trouxe para a cidade os nomes de Flávia Alves, candidata a deputada federal que ficou na segunda suplência e Ricardo Rios, deputado Estadual eleito com boa votação em Timon, afirmou não estar brincando de fazer política, ao se manifestar como pré-candidato, pois mais do ninguém conhece e vivencia os problemas da cidade e de suas necessidades de investimentos em todas as áreas, e disse estar disposto a ir em busca recursos para efetuar obras necessárias para o Timon do futuro.

Desde que deixou o cargo de secretário, em 2012, Delfino Guimarães, além de ficar sua vida profissional realizando obras públicas para o governo estadual e prefeituras, Delfino passou a desenvolver uma articulação política dentro de seus projetos como engenheiro e construtor e hoje tem trânsito livre na capital, São Luís, onde convive com grandes nomes da política do Estado como é o caso do próprio governador Carlos Brandão, por quem disse ter convicção de estar à disposição de Timon; do vice-governador Felipe Camarão, de quem é amigo pessoal e tem uma boa relação familiar; do senador e Ministro da Justiça Flávio Dino, a quem chama de o grande líder do Maranhão e mantém contatos com membros da equipe ministerial do presidente Lula, que Delfino considera como o homem que fez uma revolução no país com obras importantes para o Brasil e que no cenário local, em Timon, foram inúmeras obras que chegaram no município por suas mãos, enalteceu Delfino.

Diante de tudo isso, segundo Delfino, não se pode duvidar que sua Pré-candidatura a prefeito de Timon não seja pra valer, mas diz ele, que respeita o posicionamento dos demais pré -candidatos e de cada um, por isso acredita ser o objetivo de todos esse objetivo capaz de todos se unirem em torno de um nome na oposição e vencer as eleições em 2024, afirmou Delfino.

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Senhor dos Anéis: Moraes manda “CNN”, “Veja” e “GNews” quebrarem sigilo da fonte jornalística

O ministro quer quer o conteúdo das entrevistas com Marcos do Val sejam comparados ao depoimento dele à PF Os três veículos de imprensa...

Proposta de “oposição unida” em Timon terá que enfrentar o primeiro obstáculo: cargos

Nomeações para cargos em Timon deverá ser o primeiro desafio da proposta de união da oposição a começar pelos aliados do governador. Muito embora tenham...

Tudo o que os governistas de Timon não queriam, poderá acontecer em 2024. Oposição trabalha pela união

Oposição de Timon, realizou em São Luiz, ontem, a primeira reunião para tratar da união do grupo e vencer as eleições em 2024. Em reunião,...
Dono de um perfil emblemático, onde seu maior atributo é o de trabalhar por Timon, onde mantém o recorde de ser o maior tocador de obras no município durante as duas gestões da prefeita Socorro Waquim, de 2005 a 2012, quando passaram pela presidência os petistas Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, com os quais teve contato direto apresentando projetos que hoje fazem parte infraestrutura de Timon, o engenheiro Delfino Guimarães, ao fazer análise de matéria publicada neste blog, disse que sua pré-candidatura a prefeito da cidade tem um único objetivo: agregar, unir as forças de oposição e que está aberto às conversas que venham convergir nesse sentido, de união, afirmou. O ex-secretário de Infraestrutura do município, que no passado coordenou campanhas vitoriosas com as duas eleições de Socorro Waquim para Prefeitura e mais recente trouxe para a cidade os nomes de Flávia Alves, candidata a deputada federal que ficou na segunda suplência e Ricardo Rios, deputado Estadual eleito com boa votação em Timon, afirmou não estar brincando de fazer política, ao se manifestar como pré-candidato, pois mais do ninguém conhece e vivencia os problemas da cidade e de suas necessidades de investimentos em todas as áreas, e disse estar disposto a ir em busca recursos para efetuar obras necessárias para o Timon do futuro. Desde que deixou o cargo de secretário, em 2012, Delfino Guimarães, além de ficar sua vida profissional realizando obras públicas para o governo estadual e prefeituras, Delfino passou a desenvolver uma articulação política dentro de seus projetos como engenheiro e construtor e hoje tem trânsito livre na capital, São Luís, onde convive com grandes nomes da política do Estado como é o caso do próprio governador Carlos Brandão, por quem disse ter convicção de estar à disposição de Timon; do vice-governador Felipe Camarão, de quem é amigo pessoal e tem uma boa relação familiar; do senador e Ministro da Justiça Flávio Dino, a quem chama de o grande líder do Maranhão e mantém contatos com membros da equipe ministerial do presidente Lula, que Delfino considera como o homem que fez uma revolução no país com obras importantes para o Brasil e que no cenário local, em Timon, foram inúmeras obras que chegaram no município por suas mãos, enalteceu Delfino. Diante de tudo isso, segundo Delfino, não se pode duvidar que sua Pré-candidatura a prefeito de Timon não seja pra valer, mas diz ele, que respeita o posicionamento dos demais pré -candidatos e de cada um, por isso acredita ser o objetivo de todos esse objetivo capaz de todos se unirem em torno de um nome na oposição e vencer as eleições em 2024, afirmou Delfino.