Operação conjunta da PM, Guarda e SDUs fechará estabelecimentos sem autorização de funcionamento

spot_img
Compartilhe:

Em reunião no Comando Geral da Polícia Militar na manhã desta quinta-feira (02), com representantes da PM, Guarda Civil Municipal e Secretaria Municipal da Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), ficou decidido que, a partir de hoje, equipes destes órgãos farão operações conjuntas para fechar estabelecimentos que não estão autorizados a funcionar de acordo com decreto municipal expedido durante período da pandemia de coronavírus em Teresina.

De acordo o coronel John Feitosa, da Assistência Militar da Prefeitura de Teresina, a determinação é que esses estabelecimentos sejam fechados imediatamente. “Esses estabelecimentos que não se configuram como serviços essenciais não podem estar abertos. Sabemos que é um momento difícil para todos, mas precisamos pensar no coletivo, na saúde de milhares de cidadãos”, pontua.

O coronel também explica que as operações de fiscalização começam a partir desta quinta-feira (02) e serão realizadas em conjunto com a Polícia Militar, a Guarda Civil Municipal e representantes das SDUs. “Serão operações diárias, com o objetivo de manter abertos apenas os serviços essenciais, pois precisamos evitar aglomerações de pessoas”, afirma John.

Interdições

A Guarda Civil Municipal de Teresina vem fiscalizando, desde o dia 21 de março, o cumprimento dos decretos de prevenção ao contágio da Covid-19. Desde o início das atividades já foram registradas 2.084 interdições de estabelecimentos comerciais funcionando irregularmente.

O decreto municipal determina a suspensão do funcionamento de todos os estabelecimentos comerciais, de serviços e industriais, bem como as atividades da construção civil, com exceção apenas de alguns serviços essenciais, e estabelece que fica permitido o funcionamento de setores administrativos de alguns estabelecimentos, desde que seja realizado remoto e individualmente. Farmácias, supermercados e serviços de saúde permanecerão abertos, assim como os deliverys. Os postos de gasolina deverão funcionar das 7h às 19h, com a suspensão do funcionamento das lojas de conveniência instaladas nesses locais.

O cidadão pode denunciar estabelecimentos que estejam funcionando irregularmente através dos números 153, (86) 3215-9317 ou falar diretamente com o WhatsApp da Guarda Municipal, por meio do número (86) 99438-0254. Além disso, a plataforma online Colab também está disponível para o recebimento das denúncias.

 

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Ingrediente naturais são saudáveis para os cuidados com a pele   

Segundo especialista, para melhores resultados, o uso de produtos naturais na pele e nos cabelos deve ser conciliado à dieta   Os cuidados com a saúde...

Aulas na Rede Estadual iniciam nas 19 Unidades Regionais de Educação do Maranhão

Nesta segunda-feira (6), estudantes da Rede Estadual nas 19 Unidades Regionais de Educação do Maranhão retornaram às salas de aula. Para fortalecer as estratégias...

Projeto de Lei do deputado Rafael assegura acesso a medicamentos à base de canabidiol e similares

O Projeto de Lei 01/2023, de autoria do deputado Rafael, assegura o acesso a medicamentos à base de canabidiol (CBD) e tetrahidrocanabinol (THC) “às...
Em reunião no Comando Geral da Polícia Militar na manhã desta quinta-feira (02), com representantes da PM, Guarda Civil Municipal e Secretaria Municipal da Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), ficou decidido que, a partir de hoje, equipes destes órgãos farão operações conjuntas para fechar estabelecimentos que não estão autorizados a funcionar de acordo com decreto municipal expedido durante período da pandemia de coronavírus em Teresina. De acordo o coronel John Feitosa, da Assistência Militar da Prefeitura de Teresina, a determinação é que esses estabelecimentos sejam fechados imediatamente. “Esses estabelecimentos que não se configuram como serviços essenciais não podem estar abertos. Sabemos que é um momento difícil para todos, mas precisamos pensar no coletivo, na saúde de milhares de cidadãos”, pontua. O coronel também explica que as operações de fiscalização começam a partir desta quinta-feira (02) e serão realizadas em conjunto com a Polícia Militar, a Guarda Civil Municipal e representantes das SDUs. “Serão operações diárias, com o objetivo de manter abertos apenas os serviços essenciais, pois precisamos evitar aglomerações de pessoas”, afirma John. Interdições A Guarda Civil Municipal de Teresina vem fiscalizando, desde o dia 21 de março, o cumprimento dos decretos de prevenção ao contágio da Covid-19. Desde o início das atividades já foram registradas 2.084 interdições de estabelecimentos comerciais funcionando irregularmente. O decreto municipal determina a suspensão do funcionamento de todos os estabelecimentos comerciais, de serviços e industriais, bem como as atividades da construção civil, com exceção apenas de alguns serviços essenciais, e estabelece que fica permitido o funcionamento de setores administrativos de alguns estabelecimentos, desde que seja realizado remoto e individualmente. Farmácias, supermercados e serviços de saúde permanecerão abertos, assim como os deliverys. Os postos de gasolina deverão funcionar das 7h às 19h, com a suspensão do funcionamento das lojas de conveniência instaladas nesses locais. O cidadão pode denunciar estabelecimentos que estejam funcionando irregularmente através dos números 153, (86) 3215-9317 ou falar diretamente com o WhatsApp da Guarda Municipal, por meio do número (86) 99438-0254. Além disso, a plataforma online Colab também está disponível para o recebimento das denúncias.