Pré-candidatos ainda tem até segunda, 18, para se arrepender das mudanças de partidos

spot_img
Compartilhe:

Já existem alguns casos de arrependimentos de pré-candidatos que quere desistir de mudanças e se filiarem em outros partidos nessa reta final.

Os partidos políticos devem enviar à Justiça Eleitoral a lista de filiados, atualizada, até o próximo dia 18 de abril. O prazo consta na Portaria-TSE nº 99/2022, que estabelece o cronograma de processamento das informações. A atualização deve ser feita por meio do Sistema de Filiação Partidária (Filia), incluindo o nome do filiado, o número do título de eleitor e a data de filiação.

Isso quer dizer que, quem quiser concorrer a qualquer cargo eleitoral nas eleições deste ano, salvo os casos de eleitores que tem o prazo até às convenções partidárias para se filiarem, segundo a lei, os demais devem estar filiados aos partidos e as nominatas registradas em atas partidárias, por isso, embora alguns políticos tenham anunciados desfiliação em seus partidos e filiações em outros, procurando de alguma a melhor estratégia para se elegerem, até a próxima segunda-feira, quando será a enviada a lista, ainda existe prazo, para quem, de alguma forma sentiu que o cenário politico escolhido não lhe foi favorável de acordo como “a arrumação dos nomes” e potenciais nas chamadas chapas.

O blogdoribinha, no caso das eleições no Maranhão para os cargos proporcionais, deputado federal e estadual, existem casos de arrependimento e de desistência de filiação anunciadas e podendo, até o dia limite do envio da lista, novas mudanças nos quadros partidários.

Alguma dessas decisões, de arrependimento ou mudanças ainda podem surpreender quem está atento aos prazos políticos, assim como a opinião pública, que estará atenta a essas mudanças.

É esperar para ver!

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Mercado de trabalho: Programa de Trainee Aegea está com inscrições abertas para Timon

Os interessados podem se inscrever até o dia 24 de outubro, de forma on-line A Aegea, empresa líder no setor de saneamento privado no Brasil,...

Carlos Brandão é reeleito governador, Timon terá dois deputados e Leitoas saem enfraquecidos do pleito

O governador Carlos Brandão liderou a disputa em primeiro turno pelo governo do Maranhão a partir das primeiras urnas abertas ontem, às 18h, até...

Águas de Timon celebra conclusão do projeto Desvendar Esporte

Nesta quinta-feira (29), a Águas de Timon celebrou a conclusão das atividades do projeto Desvendar Esporte, patrocinado pela Águas de Timon, durante ação no...

Já existem alguns casos de arrependimentos de pré-candidatos que quere desistir de mudanças e se filiarem em outros partidos nessa reta final.

Os partidos políticos devem enviar à Justiça Eleitoral a lista de filiados, atualizada, até o próximo dia 18 de abril. O prazo consta na Portaria-TSE nº 99/2022, que estabelece o cronograma de processamento das informações. A atualização deve ser feita por meio do Sistema de Filiação Partidária (Filia), incluindo o nome do filiado, o número do título de eleitor e a data de filiação. Isso quer dizer que, quem quiser concorrer a qualquer cargo eleitoral nas eleições deste ano, salvo os casos de eleitores que tem o prazo até às convenções partidárias para se filiarem, segundo a lei, os demais devem estar filiados aos partidos e as nominatas registradas em atas partidárias, por isso, embora alguns políticos tenham anunciados desfiliação em seus partidos e filiações em outros, procurando de alguma a melhor estratégia para se elegerem, até a próxima segunda-feira, quando será a enviada a lista, ainda existe prazo, para quem, de alguma forma sentiu que o cenário politico escolhido não lhe foi favorável de acordo como "a arrumação dos nomes" e potenciais nas chamadas chapas. O blogdoribinha, no caso das eleições no Maranhão para os cargos proporcionais, deputado federal e estadual, existem casos de arrependimento e de desistência de filiação anunciadas e podendo, até o dia limite do envio da lista, novas mudanças nos quadros partidários. Alguma dessas decisões, de arrependimento ou mudanças ainda podem surpreender quem está atento aos prazos políticos, assim como a opinião pública, que estará atenta a essas mudanças. É esperar para ver!