Triste réveillon: Semed de Timon desliga da folha servidores contratados e seletistas

spot_img
Compartilhe:

A mesma prática adotada pela gestão anterior, que sempre demitia após as eleições, os servidores contratados durante o período eleitoral, inclusive dentro da gestão na secretaria de Educação, quando era gestora a Prefeita Dinair Veloso, foi adotada pela atual gestão em Timon agora em 2022.

Documento restrito que esse blogdoribinha teve acesso, comprova medida de desligamento pela gestão de pessoal da Secretaria de Educação de Timon de professores, cuidadores, intérpretes de libras, instrutores, técnicos administrativos, professores monitores e supervisores. Datada do dia 21 deste, o ofício comunica o desligamento das funções e da folha de pagamento desses profissionais, muitos deles seletistas e com contratos temporários.

A desconfiança de alguns desses servidores é a de que novos profissionais serão contratados a partir de março ou abril, mas dificilmente os que foram desligados agora retornarão à folha em 2024, apesar de seus currículos preencheram os requisitos exigidos, pois muitos deles assumiram o compromisso de voto nos candidatos apoiados pela gestão e como muita gente na Seduc alega que os principais nomes que eram candidatos não foram eleitos eles precisam de novos servidores para enganar mais uma vez, acreditam alguns servidores pegos de surpresa com o desligamento.

Entre os servidores desligados no último dia 21, existe uma expectativa para saber se eles irão receber ainda o mês de dezembro. Fonte do blog dentro Semed não soube quantificar quantos servidores foram atingidos pelo desligamento.

 

 

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

De um milhão e 200 mil levados pelo funcionário do BB de Teresina, polícia só recuperou 41 mil

O funcionário alega estar passando por problemas psicológicos, mas cadê o dinheiro? Quanto ele subtraiu do banco? O bancário de 39 anos suspeito de furtar R$...

Confira quatro dicas para empreender em 2023

Por Elainy Castro Empreender é um sonho comum de muitos brasileiros. Esse é um caminho que pode trazer realização profissional e sucesso financeiro, além disso,...

No mesmo dia: Reeleitos, Lira e Pacheco rompem com Bolsonaro, mas deixam recado ao STF

Colunista do jornal "O Globo" avalia que o pior cenário para o Supremo seria a vitória de Rogério Marinho. Mas reeleição de Lira e...
A mesma prática adotada pela gestão anterior, que sempre demitia após as eleições, os servidores contratados durante o período eleitoral, inclusive dentro da gestão na secretaria de Educação, quando era gestora a Prefeita Dinair Veloso, foi adotada pela atual gestão em Timon agora em 2022. Documento restrito que esse blogdoribinha teve acesso, comprova medida de desligamento pela gestão de pessoal da Secretaria de Educação de Timon de professores, cuidadores, intérpretes de libras, instrutores, técnicos administrativos, professores monitores e supervisores. Datada do dia 21 deste, o ofício comunica o desligamento das funções e da folha de pagamento desses profissionais, muitos deles seletistas e com contratos temporários. A desconfiança de alguns desses servidores é a de que novos profissionais serão contratados a partir de março ou abril, mas dificilmente os que foram desligados agora retornarão à folha em 2024, apesar de seus currículos preencheram os requisitos exigidos, pois muitos deles assumiram o compromisso de voto nos candidatos apoiados pela gestão e como muita gente na Seduc alega que os principais nomes que eram candidatos não foram eleitos eles precisam de novos servidores para enganar mais uma vez, acreditam alguns servidores pegos de surpresa com o desligamento. Entre os servidores desligados no último dia 21, existe uma expectativa para saber se eles irão receber ainda o mês de dezembro. Fonte do blog dentro Semed não soube quantificar quantos servidores foram atingidos pelo desligamento.