Vereadores aprovam reajuste e elevam salários de professores da ativa, aposentados e pensionistas em 33,24%

spot_img
Compartilhe:

Em sessão plenária realizada na manhã desta segunda-feira, 21, a Câmara Municipal de Timon aprovou o projeto de lei que estabelece o reajuste de 33,24% aos vencimentos dos profissionais da educação básica, da ativa, aos aposentados e aos pensionistas.

O reajuste segue o estabelecido pelo Ministério da Educação, que no dia 27 de janeiro anunciou o novo valor do piso salarial profissional nacional do magistério público da educação básica, que passa a ser de R$ 3.845,63, portanto um aumento de 33,24% em relação ao valor praticado em 2020, já que em 2021 o governo federal não efetuou reajuste.

O projeto foi aprovado por unanimidade, em única votação, e será retroativo ao mês de janeiro de 2022. O presidente da Câmara de Timon, vereador Uilma Resende, destacou que a categoria dos profissionais da educação tem as portas abertas na Casa e que o reajuste é um importante meio de incentivar essa importante categoria profissional.

“Estamos de portas abertas à essa categoria essencial para o futuro de nosso município e do nosso país, que são os professores. Parabéns pela vitória e sigam sempre lutando pelos seus direitos. Contem conosco”, pontuou.

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Senhor dos Anéis: Moraes manda “CNN”, “Veja” e “GNews” quebrarem sigilo da fonte jornalística

O ministro quer quer o conteúdo das entrevistas com Marcos do Val sejam comparados ao depoimento dele à PF Os três veículos de imprensa...

Proposta de “oposição unida” em Timon terá que enfrentar o primeiro obstáculo: cargos

Nomeações para cargos em Timon deverá ser o primeiro desafio da proposta de união da oposição a começar pelos aliados do governador. Muito embora tenham...

Tudo o que os governistas de Timon não queriam, poderá acontecer em 2024. Oposição trabalha pela união

Oposição de Timon, realizou em São Luiz, ontem, a primeira reunião para tratar da união do grupo e vencer as eleições em 2024. Em reunião,...
Em sessão plenária realizada na manhã desta segunda-feira, 21, a Câmara Municipal de Timon aprovou o projeto de lei que estabelece o reajuste de 33,24% aos vencimentos dos profissionais da educação básica, da ativa, aos aposentados e aos pensionistas. O reajuste segue o estabelecido pelo Ministério da Educação, que no dia 27 de janeiro anunciou o novo valor do piso salarial profissional nacional do magistério público da educação básica, que passa a ser de R$ 3.845,63, portanto um aumento de 33,24% em relação ao valor praticado em 2020, já que em 2021 o governo federal não efetuou reajuste. O projeto foi aprovado por unanimidade, em única votação, e será retroativo ao mês de janeiro de 2022. O presidente da Câmara de Timon, vereador Uilma Resende, destacou que a categoria dos profissionais da educação tem as portas abertas na Casa e que o reajuste é um importante meio de incentivar essa importante categoria profissional. "Estamos de portas abertas à essa categoria essencial para o futuro de nosso município e do nosso país, que são os professores. Parabéns pela vitória e sigam sempre lutando pelos seus direitos. Contem conosco", pontuou.