Marco D’Eça: Edilázio expõe em Brasília perfil absolutista de Flávio Dino…

spot_img
Compartilhe:

O deputado federal Edilázio Júnior (PSD) iniciou na Câmara Federal a definição de um perfil do governador Flávio Dino (PCdoB) a ser apresentado às autoridades de Brasília.

Edilázio critica a forma como Dino trata o Governo Federal e pede que os colegas pesquisem sobre o governador, que quer ser candidato a presidente.

– É muito fácil, basta pesquisar no google para lembrar do que aconteceu no Maranhão no último ano, quando ele determinou que a Polícia Militar – e isso tudo de forma oficiosa, com memorandos -, investigar e fichar todos aqueles políticos que pudessem causar algum embaraço nas eleições de 2018 –lembrou Edilázio, referindo-se ao episódio envolvendo um documento oficial da PMMA, orientando seus comandantes a monitorar adversários do governador nas eleições de 2018.

Em seu discurso, Edilázio criticou a posição de defesa de Flávio Dino ao regime autoritário de Nicolás Maduro, na Venezuela; e diz que o absolutismo também impera no Maranhão.

– Um governador que idolatra Nicolás Maduro, imagine o povo sofrido do Maranhão, o que vem enfrentando num estado de absolutismo, com censura, onde ele comanda praticamente todas as instituições e persegue os seus adversários, coagindo das formas mais truculentas possíveis – disse.

Edilázio pretende desconstruir a imagem de Flávio Dino à medida que o comunista for tentar avançar como opção de contraponto ao governo Jair Bolsonaro (PSL).

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Com superação e reeleição, Deputado Rafael se torna o grande articulador do Governo Brandão

A reeleição do Deputado Rafael lhe permite e determina que ele seja o grande articulador do Governo Brandão, na Assembleia Legislativa, onde foi líder...

Declínio eleitoral dos Leitoas chega ao auge em 2022 com derrota para governo e assembleia do MA

Com a perda do governo estadual e vaga na Assembleia as derrotas do grupo estão cada vez mais evidentes e iminentes. Os dados, os números...

Legado e resgate histórico: Gracinha Mão Santa é eleita deputada estadual do Piauí

Gracinha Mão Santa inicia vida pública eletiva da mesma forma que Mão Santa há  44 anos. Há exatos 44 anos Francisco de Assis de Moraes...
O deputado federal Edilázio Júnior (PSD) iniciou na Câmara Federal a definição de um perfil do governador Flávio Dino (PCdoB) a ser apresentado às autoridades de Brasília. Edilázio critica a forma como Dino trata o Governo Federal e pede que os colegas pesquisem sobre o governador, que quer ser candidato a presidente. – É muito fácil, basta pesquisar no google para lembrar do que aconteceu no Maranhão no último ano, quando ele determinou que a Polícia Militar – e isso tudo de forma oficiosa, com memorandos -, investigar e fichar todos aqueles políticos que pudessem causar algum embaraço nas eleições de 2018 –lembrou Edilázio, referindo-se ao episódio envolvendo um documento oficial da PMMA, orientando seus comandantes a monitorar adversários do governador nas eleições de 2018. Em seu discurso, Edilázio criticou a posição de defesa de Flávio Dino ao regime autoritário de Nicolás Maduro, na Venezuela; e diz que o absolutismo também impera no Maranhão. – Um governador que idolatra Nicolás Maduro, imagine o povo sofrido do Maranhão, o que vem enfrentando num estado de absolutismo, com censura, onde ele comanda praticamente todas as instituições e persegue os seus adversários, coagindo das formas mais truculentas possíveis – disse. Edilázio pretende desconstruir a imagem de Flávio Dino à medida que o comunista for tentar avançar como opção de contraponto ao governo Jair Bolsonaro (PSL).