O estilo de ser de Antonio Delfino Guimarães. Nem precisa disso….

spot_img
Compartilhe:

O engenheiro Delfino Guimarães, tem investido num projeto descomunal de aproximar-se dos governos, municipal em Timon, comandado pela Família Leitoa e do estadual no Maranhão, comandado pelo governador Flávio Dino, dos quais foi adversário político e fidagal durante toda vida, mas que a partir de 2012, com a perda do poder municipal todo cenário ideológico da vida do engenheiro mudou completamente.

Delfino mantém-se dias e até meses afastado das redes sociais para evitar dissabores com os dois grupos, mas trabalha nos bastidores sua aproximação e quando retorna às redes sociais é sempre para fazer comentários em defesa dos dois governos ou de seus gestores, de uma forma ou de outra, para elogiar ou criticar quem ameaça o poder daqueles que hoje defende.

Esta semana, em dois comentários nas redes sociais, “Del” levantou novas polêmicas. Primeiro ao defender o governador Flávio Dino por conta da falta de segurança no Maranhão e ausência do governador do Estado, que “pegou a rota” do sul do país para levar sua proposta de candidato a presidência da República e abandonou o Maranhão.

Em outro comentário, Delfino, em defesa dos Leitoas, criticou a pré-candidatura do ex-comandante Horman Schnneyder, por entender que ele é um forasteiro e não merece o apoio dos munícipes na disputa eleitoral que se avizinha.

Chamado de “trator” na gestão da ex-prefeita Socorro Waquim, onde executou projeto de milhões de reais de obras em todos os setores da gestão pública, Delfino tem vida confortável, mora em apartamento à beira mar em São Luiz e  pela aparência e ostentação nas redes sociais não precisariam se engalfinhar com  ninguém para manter seu padrão de vida elevado.

Mas ao contrário, vive se metendo onde não é chamado, para, primeiro evidenciar essa sua nova posição política, e, segundo para que os dois governos citados percebem seu esforço de aproximação, mas ao que parece ou pelo menos aqui em Timon, não tem surtido efeito. O prefeito Luciano Leitoa tem demonstrado certa aversão ao ex-secretário deixando essa parte de engolir sapo sem saliva para o seu pai Chico Leitoa que vez por outra  ainda se deixa fotografar ao lado de Del, até mesmo como forma de mostrar para a população seu estilo de ser com os adversários e com aqueles que até bem pouco tempo falavam baboseiras de sua pessoa.

 

 

 

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Ingrediente naturais são saudáveis para os cuidados com a pele   

Segundo especialista, para melhores resultados, o uso de produtos naturais na pele e nos cabelos deve ser conciliado à dieta   Os cuidados com a saúde...

Aulas na Rede Estadual iniciam nas 19 Unidades Regionais de Educação do Maranhão

Nesta segunda-feira (6), estudantes da Rede Estadual nas 19 Unidades Regionais de Educação do Maranhão retornaram às salas de aula. Para fortalecer as estratégias...

Projeto de Lei do deputado Rafael assegura acesso a medicamentos à base de canabidiol e similares

O Projeto de Lei 01/2023, de autoria do deputado Rafael, assegura o acesso a medicamentos à base de canabidiol (CBD) e tetrahidrocanabinol (THC) “às...
O engenheiro Delfino Guimarães, tem investido num projeto descomunal de aproximar-se dos governos, municipal em Timon, comandado pela Família Leitoa e do estadual no Maranhão, comandado pelo governador Flávio Dino, dos quais foi adversário político e fidagal durante toda vida, mas que a partir de 2012, com a perda do poder municipal todo cenário ideológico da vida do engenheiro mudou completamente. Delfino mantém-se dias e até meses afastado das redes sociais para evitar dissabores com os dois grupos, mas trabalha nos bastidores sua aproximação e quando retorna às redes sociais é sempre para fazer comentários em defesa dos dois governos ou de seus gestores, de uma forma ou de outra, para elogiar ou criticar quem ameaça o poder daqueles que hoje defende. Esta semana, em dois comentários nas redes sociais, “Del” levantou novas polêmicas. Primeiro ao defender o governador Flávio Dino por conta da falta de segurança no Maranhão e ausência do governador do Estado, que “pegou a rota” do sul do país para levar sua proposta de candidato a presidência da República e abandonou o Maranhão. Em outro comentário, Delfino, em defesa dos Leitoas, criticou a pré-candidatura do ex-comandante Horman Schnneyder, por entender que ele é um forasteiro e não merece o apoio dos munícipes na disputa eleitoral que se avizinha. Chamado de “trator” na gestão da ex-prefeita Socorro Waquim, onde executou projeto de milhões de reais de obras em todos os setores da gestão pública, Delfino tem vida confortável, mora em apartamento à beira mar em São Luiz e  pela aparência e ostentação nas redes sociais não precisariam se engalfinhar com  ninguém para manter seu padrão de vida elevado. Mas ao contrário, vive se metendo onde não é chamado, para, primeiro evidenciar essa sua nova posição política, e, segundo para que os dois governos citados percebem seu esforço de aproximação, mas ao que parece ou pelo menos aqui em Timon, não tem surtido efeito. O prefeito Luciano Leitoa tem demonstrado certa aversão ao ex-secretário deixando essa parte de engolir sapo sem saliva para o seu pai Chico Leitoa que vez por outra  ainda se deixa fotografar ao lado de Del, até mesmo como forma de mostrar para a população seu estilo de ser com os adversários e com aqueles que até bem pouco tempo falavam baboseiras de sua pessoa.