Prefeito cadê o Cimu que o senhor preside. Até a Conceição do Joaquim Pedreira não aguenta mais

spot_img
Compartilhe:

Moradora de Timon, militante ardorosa, defensora e apaixonada cegamente pelos Leitoas,  Conceição do Residencial Joaquim Pedreira deu uma estocada no prefeito Luciano Leitoa, que para quem não sabe é presidente do Consórcio Intermunicipal de Mobilidade Urbana (CIMU), responsável pelo péssimo sistema de transporte coletivo de Timon, que a todo custo e pretexto mantém o monopólio da linhas de ônibus entregue para a Empresa Dois Irmãos.

Conceição, em áudio enviado ao blogdoribinha, reclama do péssimo serviço da Dois Irmãos, única empresa integrada ao Setut, e diz que está no ponto de ônibus há tempos esperando pelo ônibus que não vem. Ela chega a dizer que “a gente que é usuária e depende da empresa Dois Irmãos, a gente tá sendo tão humilhada, tão massacrada nas paradas de ônibus esperando ônibus da Dois Irmãos….essa empresa ela não está nem aí pro úsuário…nem aí pra gente que dá o lucro pra eles…sem mentira nenhuma estou com 1 hora e 40 minutos…esperando um “Rua 100″…é muita humilhação, é muita humilhação…(ouça o áudio).

O empresário Ramon Alves, que é um dos prejudicados com a ação discriminatória do CIMU em prejuízo aos passageiros também se manifestou em solidariedade à passageira falando do projeto de Timon City em querer instalar um sistema de bilhetagem eletrônica para beneficiar todos os passageiros e todas as linhas, mas que até hoje o CIMU presidido por Luciano Leitoa e criticado por Conceição, sua aliada e milhares passageiros de ônibus, não aceitou que o projeto fosse à frente. (ouça o áudio).

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Com superação e reeleição, Deputado Rafael se torna o grande articulador do Governo Brandão

A reeleição do Deputado Rafael lhe permite e determina que ele seja o grande articulador do Governo Brandão, na Assembleia Legislativa, onde foi líder...

Declínio eleitoral dos Leitoas chega ao auge em 2022 com derrota para governo e assembleia do MA

Com a perda do governo estadual e vaga na Assembleia as derrotas do grupo estão cada vez mais evidentes e iminentes. Os dados, os números...

Legado e resgate histórico: Gracinha Mão Santa é eleita deputada estadual do Piauí

Gracinha Mão Santa inicia vida pública eletiva da mesma forma que Mão Santa há  44 anos. Há exatos 44 anos Francisco de Assis de Moraes...
Moradora de Timon, militante ardorosa, defensora e apaixonada cegamente pelos Leitoas,  Conceição do Residencial Joaquim Pedreira deu uma estocada no prefeito Luciano Leitoa, que para quem não sabe é presidente do Consórcio Intermunicipal de Mobilidade Urbana (CIMU), responsável pelo péssimo sistema de transporte coletivo de Timon, que a todo custo e pretexto mantém o monopólio da linhas de ônibus entregue para a Empresa Dois Irmãos.
Conceição, em áudio enviado ao blogdoribinha, reclama do péssimo serviço da Dois Irmãos, única empresa integrada ao Setut, e diz que está no ponto de ônibus há tempos esperando pelo ônibus que não vem. Ela chega a dizer que "a gente que é usuária e depende da empresa Dois Irmãos, a gente tá sendo tão humilhada, tão massacrada nas paradas de ônibus esperando ônibus da Dois Irmãos....essa empresa ela não está nem aí pro úsuário...nem aí pra gente que dá o lucro pra eles...sem mentira nenhuma estou com 1 hora e 40 minutos...esperando um "Rua 100"...é muita humilhação, é muita humilhação...(ouça o áudio). O empresário Ramon Alves, que é um dos prejudicados com a ação discriminatória do CIMU em prejuízo aos passageiros também se manifestou em solidariedade à passageira falando do projeto de Timon City em querer instalar um sistema de bilhetagem eletrônica para beneficiar todos os passageiros e todas as linhas, mas que até hoje o CIMU presidido por Luciano Leitoa e criticado por Conceição, sua aliada e milhares passageiros de ônibus, não aceitou que o projeto fosse à frente. (ouça o áudio).