Resultado de pesquisa cria clima de “já ganhou” aos “admiradores do Coronel”

spot_img
Compartilhe:
Coronel Schynneider: transformado em flanco atirador por seus admiradores politicos

A primeira pesquisa de intenção realizada com os pretensos candidatos a prefeito de Timon em 2020 criou um clima de “já ganhou” no principal grupo de apoio ao “Coronel Schynneider” criado nas redes sociais como “admiraradores do coronel”.

Os 28 por cento da pesquisa Data Max dados como intenção de votos a Schinneider, foram suficientes para que as manifestações de componentes do grupo virassem até insanidade há 10 meses do pleito eleitoral, que acontece em outubro.

Palavras como: “invencível”, “não tem pra ninguém” e “não perde mais” foram pronunciadas por um dos “admiradores do coronel” em todos o grupos de Whatsapp que o mesmo participa e engatilhada em outras redes sociais.

De acordo com o texto distribuído pela empresa que contratou o Instituto aos principais e mais acessados blogs e veículos de comunicação do Maranhão, o portal políticadinamica.com: “Em pesquisa encomendada pelo Política Dinâmica ao Instituto DataMa(x), o “Comandante Schnneyder” (sem partido) dispara na liderança das intenções de voto para prefeito em Timon, pontuando com 28,40% em cenário estimulado. Em segundo lugar, o ex-deputado estadual Alexandre Almeida (PSD), com 18,74%, seguido pelo deputado estadual Rafael Leitoa (PDT) com 18,15%.

“A ex-prefeita e atual vereadora Socorro Waquim (MDB) alcança 15,38%, enquanto o advogado Jaconias Moraes (PSC) aparece com 8,48%. O vereador Henrique Junior (PTN) foi lembrado por 6,11% dos entrevistados. Se fossem estes os candidatos, votariam em branco ou anulariam o voto 3,16% dos eleitores. Não souberam responder ou não quiseram opinar 1,58% dos entrevistados”, diz o texto oficial republicado por este blog.

Mas apesar da euforia dos aliados, adversários do candidato e até concorrentes diretos fizeram questão de opinar ao blog.

Um deles, ouvido pelo blog, disse com reservas para que não publicasse seu nome, que “transformaram um candidato humilde, que pregava ser o Davi, personagem bíblico, em Golias, agora ele (Schinneider) se agigantou, saiu dos termos bíblicos de sua pregação para se tornar invencível há dez meses do dia da eleição”, disse um dos candidatos em tom de zombaria.

Outro manifesto de contestação dos números da pesquisa, veio do presidente do PSD Uliysses Waquim, que pela redes sociais se manifestou contrário aos números afirmando que o mesmo estatístico responsável pela pesquisa que coloca o Coronel na frente hoje, em 2012 teria anunciado Vitória de Edivar Ribeiro para prefeito de Timon, portanto os dados da Data Max, são, no mínimo, questionáveis, assinala Ulysses.

“A principal pergunta que está registrada, não só nesta pesquisa, mas em todas os levantamentos de dados eleitorais, é a de que: “se a eleição fosse hoje. Em qual desses candidatos o (as) senhor (a) votaria?” “É muito cedo para qualquer comemoração existe um trabalho árduo pela frente e não podemos ser açodados diante de fatos que talvez reflitam a situação momentânea, portanto, em política “cautela e canja de galinha, não fazem mal a ninguém, disse um interlocutor de um dos candidatos ao blog.

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Ingrediente naturais são saudáveis para os cuidados com a pele   

Segundo especialista, para melhores resultados, o uso de produtos naturais na pele e nos cabelos deve ser conciliado à dieta   Os cuidados com a saúde...

Aulas na Rede Estadual iniciam nas 19 Unidades Regionais de Educação do Maranhão

Nesta segunda-feira (6), estudantes da Rede Estadual nas 19 Unidades Regionais de Educação do Maranhão retornaram às salas de aula. Para fortalecer as estratégias...

Projeto de Lei do deputado Rafael assegura acesso a medicamentos à base de canabidiol e similares

O Projeto de Lei 01/2023, de autoria do deputado Rafael, assegura o acesso a medicamentos à base de canabidiol (CBD) e tetrahidrocanabinol (THC) “às...
Coronel Schynneider: transformado em flanco atirador por seus admiradores politicos
A primeira pesquisa de intenção realizada com os pretensos candidatos a prefeito de Timon em 2020 criou um clima de "já ganhou" no principal grupo de apoio ao "Coronel Schynneider" criado nas redes sociais como "admiraradores do coronel". Os 28 por cento da pesquisa Data Max dados como intenção de votos a Schinneider, foram suficientes para que as manifestações de componentes do grupo virassem até insanidade há 10 meses do pleito eleitoral, que acontece em outubro. Palavras como: "invencível", "não tem pra ninguém" e "não perde mais" foram pronunciadas por um dos "admiradores do coronel" em todos o grupos de Whatsapp que o mesmo participa e engatilhada em outras redes sociais. De acordo com o texto distribuído pela empresa que contratou o Instituto aos principais e mais acessados blogs e veículos de comunicação do Maranhão, o portal políticadinamica.com: "Em pesquisa encomendada pelo Política Dinâmica ao Instituto DataMa(x), o “Comandante Schnneyder” (sem partido) dispara na liderança das intenções de voto para prefeito em Timon, pontuando com 28,40% em cenário estimulado. Em segundo lugar, o ex-deputado estadual Alexandre Almeida (PSD), com 18,74%, seguido pelo deputado estadual Rafael Leitoa (PDT) com 18,15%. "A ex-prefeita e atual vereadora Socorro Waquim (MDB) alcança 15,38%, enquanto o advogado Jaconias Moraes (PSC) aparece com 8,48%. O vereador Henrique Junior (PTN) foi lembrado por 6,11% dos entrevistados. Se fossem estes os candidatos, votariam em branco ou anulariam o voto 3,16% dos eleitores. Não souberam responder ou não quiseram opinar 1,58% dos entrevistados", diz o texto oficial republicado por este blog. Mas apesar da euforia dos aliados, adversários do candidato e até concorrentes diretos fizeram questão de opinar ao blog. Um deles, ouvido pelo blog, disse com reservas para que não publicasse seu nome, que "transformaram um candidato humilde, que pregava ser o Davi, personagem bíblico, em Golias, agora ele (Schinneider) se agigantou, saiu dos termos bíblicos de sua pregação para se tornar invencível há dez meses do dia da eleição", disse um dos candidatos em tom de zombaria. Outro manifesto de contestação dos números da pesquisa, veio do presidente do PSD Uliysses Waquim, que pela redes sociais se manifestou contrário aos números afirmando que o mesmo estatístico responsável pela pesquisa que coloca o Coronel na frente hoje, em 2012 teria anunciado Vitória de Edivar Ribeiro para prefeito de Timon, portanto os dados da Data Max, são, no mínimo, questionáveis, assinala Ulysses. "A principal pergunta que está registrada, não só nesta pesquisa, mas em todas os levantamentos de dados eleitorais, é a de que: "se a eleição fosse hoje. Em qual desses candidatos o (as) senhor (a) votaria?" "É muito cedo para qualquer comemoração existe um trabalho árduo pela frente e não podemos ser açodados diante de fatos que talvez reflitam a situação momentânea, portanto, em política "cautela e canja de galinha, não fazem mal a ninguém, disse um interlocutor de um dos candidatos ao blog.