Médico coloca luva cirúrgica no lugar de bolsa de colostomia em paciente: ‘Falou que era medicina de guerra’

spot_img
Compartilhe:

Segundo paciente, ele precisava da bolsa para processo pós-operatório, mas hospital estava sem o item. Empresa responsável pelo hospital lamentou ocorrido e desligou o médico.

Um homem de 35 anos teve uma luva cirúrgica colocada no lugar de uma bolsa de colostomia em um hospital particular de Curitiba. João Carlos dos Santos, de 35 anos, disse que inicialmente não viu problemas na situação e aceitou a colocação do item. Mas, conta que, ao chegar em casa, “caiu a ficha”. Leia mais abaixo.

Segundo o paciente, ele precisava do equipamento coletor enquanto se recuperava de um procedimento pós-operatório no rim.

Porém, ao ir no hospital para colocar o item, o médico disse que a instituição estava sem a bolsa e indicou que colocaria a luva em substituição.

O caso aconteceu em 22 de setembro no Hospital Ônix, no bairro Batel. A NotreDame Intermédica, responsável pelo hospital, lamentou o ocorrido e disse que desligou o médico da equipe. Também afirmou que o paciente está bem e que todas as demandas dele “estão assistidas”. Leia mais. Clique aqui.

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

São Luís está entre os 20 destinos nacionais mais procurados na Black Friday, segundo a Decolar

São Luís foi apontada como um dos 20 destinos mais procurados durante a campanha de Black Friday da companhia de viagens on-line Decolar. A...

TRF1 aceita denúncia do MPF contra prefeito de Pinheiro (MA) e mais seis pessoas por fraudes e desvio de recursos

Eles responderão por crimes de responsabilidade, lavagem de capitais e organização criminosa, na medida de suas participações Por unanimidade, o Tribunal Regional Federal da 1ª...

Facebook deve restituir conta invadida e pagar indenização a usuário

O Juizado Cível e Criminal da cidade de Codó condenou a plataforma social Facebook a restabelecer a conta de usuário Tiago Tales Silva Sousa,...

Segundo paciente, ele precisava da bolsa para processo pós-operatório, mas hospital estava sem o item. Empresa responsável pelo hospital lamentou ocorrido e desligou o médico.

Um homem de 35 anos teve uma luva cirúrgica colocada no lugar de uma bolsa de colostomia em um hospital particular de Curitiba. João Carlos dos Santos, de 35 anos, disse que inicialmente não viu problemas na situação e aceitou a colocação do item. Mas, conta que, ao chegar em casa, "caiu a ficha". Leia mais abaixo.

Segundo o paciente, ele precisava do equipamento coletor enquanto se recuperava de um procedimento pós-operatório no rim.

Porém, ao ir no hospital para colocar o item, o médico disse que a instituição estava sem a bolsa e indicou que colocaria a luva em substituição.

O caso aconteceu em 22 de setembro no Hospital Ônix, no bairro Batel. A NotreDame Intermédica, responsável pelo hospital, lamentou o ocorrido e disse que desligou o médico da equipe. Também afirmou que o paciente está bem e que todas as demandas dele "estão assistidas". Leia mais. Clique aqui.