spot_img
spot_img

Órgãos públicos expõem trabalhos desenvolvidos para reforçar participação feminina na política e no mercado

spot_img
Compartilhe:

Segundo os expositores, o 1º Seminário Nacional de Legisladoras é um excelente espaço para mostrar os mais diversos trabalhos, produtos e serviços relacionados à mulher

Agência Assembleia

Durante o 1º Seminário Nacional de Legisladoras, nesta terça-feira (5), em São Luís, diversos estandes de órgãos públicos e instituições apresentaram trabalhos realizados para reforçar a importância da presença da mulher nos espaços de poder. Entre os expositores estão a Procuradoria da Mulher da Assembleia Legislativa do Maranhão, a Federação dos Municípios do Maranhão (Famem), a Secretaria de Turismo (Setur), a União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), o Grupo de Esposas de Deputados do Maranhão (Gedema), o Sebrae e o Ceprama.

Segundo os expositores, o seminário, realizado no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, é um excelente espaço para mostrar os mais diversos trabalhos relacionados à mulher.

No estande do Sebrae, por exemplo, o órgão realizou um trabalho de conscientização, por meio de panfletos, para explicar como é feito o registro de Microempreendedor Individual (MEI). A servidora pública Maria Lúcia Vieira foi uma das mulheres que se beneficiou com as informações repassadas no estante do Sebrae.

“Eu estava querendo mesmo saber como fazer o MEI, os documentos necessários e como realizar a contratação de servidor. Com informações que obtive aqui, agora já sei como proceder”, disse

Já no estande da Unale, as atendentes apresentaram trabalhos da entidade visando aumentar a participação das mulheres no Legislativo e estimular o empreendedorismo como ferramenta para a autonomia feminina. Durante a ação, a entidade também entregou kits com livretos explicativos sobre o papel da Unale.

Oportunidade

O seminário também destinou espaço voltado à mostra de artesanatos de comerciantes assistidos pelo Sebrae e pelo Ceprama, em parceria com a Setur. A artesão Maria de Nazaré Soares, que já comercializou produtos no ‘São João da Assembleia’, destacou como louvável a iniciativa. “É uma oportunidade para comercializarmos nossos produtos. Gostei muito da experiência”, afirmou.

A presidente do Gedema, Carol Duailibe, explicou que a presidente da Alema, Iracema Vale, tem privilegiado a geração de renda para as mulheres, nos eventos realizados pela Assembleia, valorizando o artesanato e a cultura locais. Além disso, também tem promovido a conscientização enfatizando que as mulheres precisam conhecer mais os seus direitos dentro dos partidos políticos, as cotas de gênero, os repasses e os fundos partidários.

“Queremos gerar renda e, também, levar conhecimento, preparando as mulheres para ocuparem mais espaços. E o seminário é um momento propício para isso, pois reúne milhares de mulheres que gostam do debate político ou são pessoas que trabalham direta ou indiretamente com políticas sociais”, ressaltou Carol Duailibe.

Compartilhe:
spot_img

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

spot_img

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Novidade: troque suas lâmpadas incandescentes por novas de LED nos postos E+ Reciclagem

Lançado em 2011, o projeto faz parte do Programa de Eficiência Energética da Equatorial e agora conta com mais serviços para a comunidade A Equatorial...

Em Teresina, pesquisadora da Fiocruz destaca avanços para baratear tratamento de imunoterapia a pacientes com câncer

Pesquisadora também destaca os desafios do Nordeste no enfrentamento a cânceres evitáveis As pesquisas e os avanços mais recentes relacionados ao diagnóstico, manejo e tratamento...

Dia dos Povos Indígenas: Equatorial alerta que 5.568 famílias poderiam economizar na conta com a Tarifa Social

Dia 19 de abril é comemorado o Dia dos Povos Indígenas e a Equatorial Maranhão alerta que 5.568 famílias indígenas estão deixando de receber...