Projeto Jornadas Históricas é desenvolvido em unidade da Funac

spot_img
Compartilhe:

A Fundação da Criança e do Adolescente (Funac), por meio do Centro Socioeducativo de Internação Provisória da Região dos Cocais (CSIPRC), localizado em Timon, está realizando o Projeto Pedagógico Jornadas Históricas. No decorrer do ano serão realizadas oficinas de História com apresentações dos conteúdos da matriz curricular da disciplina escolar, de forma lúdica, com apresentações teatrais, filmes e documentários.

De acordo com o diretor do Centro Socioeducativo, Lívio Araújo, é fundamental para a escolarização dos socioeducandos uma proposta diferenciada de apresentação dos conteúdos escolares. “As oficinas de história tem conseguido alcançar seu objetivo, que é transmitir a história de maneira prática, ocasião em que os adolescentes conseguem compreender todo o conteúdo. A ideia do projeto é despertar a curiosidade sobre a história”, declara.

O educador Igor Castro, responsável pela organização do projeto explica que foi em 2019, com as atividades da oficina de História, que o projeto foi implantado no Centro Socioeducativo. “A adaptação das aulas de História à realidade dos socioeducandos, bem como utilização de uma roupagem diferenciada, foi fundamental para despertar a curiosidade deles sobre acontecimentos mundiais e atuais. Este projeto é fundamental para que os socioeducandos conheçam a história e se reconheçam no processo de formação da humanidade”, afirma.

Para o adolescente, trabalhar de forma lúdica temas tão importantes tem contribuído muito no seu processo de aprendizagem. “As atividades realizadas no projeto têm sido de grande relevância, pois levam à reflexão, e tenho aprendido sobre o conteúdo repassado. A abordagem do tema proporciona a interação entre todos os participantes. O projeto tem despertado em mim a curiosidade de pesquisar mais sobre os acontecimentos que marcaram a história”, relata. Da assessoria.

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Águas de Timon abre 26 vagas para estudantes da rede pública participarem de Projeto Pioneiros

CLIQUE AQUI E ACESSE O FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO  CONFIRA O REGULAMENTO AQUI Estudantes de escolas públicas de Timon já podem se preparar para concorrer a vagas...

Bolsonaro confirma Braga Netto como vice-presidente nas eleições

Como vinha sendo especulado nos últimos meses, o presidente Jair Bolsonaro (PL) confirmou o nome do general Walter Braga Netto, ex-ministro da Defesa e da Casa...

Thiago Carvalho anuncia início do calçamento em ruas do bairro Vila Monteiro

  O vereador Thiago Carvalho (DEM) anunciou em suas redes sociais uma grande notícia para os moradores do bairro Vila Monteiro em Timon: o início...
A Fundação da Criança e do Adolescente (Funac), por meio do Centro Socioeducativo de Internação Provisória da Região dos Cocais (CSIPRC), localizado em Timon, está realizando o Projeto Pedagógico Jornadas Históricas. No decorrer do ano serão realizadas oficinas de História com apresentações dos conteúdos da matriz curricular da disciplina escolar, de forma lúdica, com apresentações teatrais, filmes e documentários. De acordo com o diretor do Centro Socioeducativo, Lívio Araújo, é fundamental para a escolarização dos socioeducandos uma proposta diferenciada de apresentação dos conteúdos escolares. “As oficinas de história tem conseguido alcançar seu objetivo, que é transmitir a história de maneira prática, ocasião em que os adolescentes conseguem compreender todo o conteúdo. A ideia do projeto é despertar a curiosidade sobre a história", declara. O educador Igor Castro, responsável pela organização do projeto explica que foi em 2019, com as atividades da oficina de História, que o projeto foi implantado no Centro Socioeducativo. “A adaptação das aulas de História à realidade dos socioeducandos, bem como utilização de uma roupagem diferenciada, foi fundamental para despertar a curiosidade deles sobre acontecimentos mundiais e atuais. Este projeto é fundamental para que os socioeducandos conheçam a história e se reconheçam no processo de formação da humanidade", afirma. Para o adolescente, trabalhar de forma lúdica temas tão importantes tem contribuído muito no seu processo de aprendizagem. “As atividades realizadas no projeto têm sido de grande relevância, pois levam à reflexão, e tenho aprendido sobre o conteúdo repassado. A abordagem do tema proporciona a interação entre todos os participantes. O projeto tem despertado em mim a curiosidade de pesquisar mais sobre os acontecimentos que marcaram a história”, relata. Da assessoria.