Jeremias Morais anuncia desligamento do Dmtrans para seguir seu irmão Jaconias, que é candidato a prefeito

spot_img
Compartilhe:
Jeremias deixa o Dmtrans para seguir irmão candidato a prefeito

O Diretor do Departamento Municipal de Trânsito (Dmtrans), de Timon, Jeremias Morais já comunicou, extra-oficialmente, sua decisão de se afastar do órgão. Segundo apurou o blogdoribinha, o comunicado foi feito ao secretário de Governo, João Batista Ponte, que já deve ter informado ao prefeito Luciano Leitoa a saída do seu auxiliar.

A decisão do Jeremias Morais segue a orientação de seu irmão o advogado Jaconias Morais, que tem pretensão de disputar o cargo de prefeito de Timon na eleição de 2020 e especulava-se que sua candidtura encontrava empecilho na permanência dos irmãos na base do governo Leitoa. Quanto ao vereador Juarez Morais (SDD), que pertence à base do governo, o próprio Jaconias em entrevista ao blog (reveja matéria) disse que o parlamentar deverá tomar o mesmo destino de Jeremias e anunciar também apoio à sua candidatura.

Balanço positivo

Em conversa com alguns agentes de trânsito de Timon eles avaliaram como positiva a passagem de Jeremias Morais pelo órgão, que segundo eles, não tinha a estrutura que hoje é disponiblizada ao órgão desde sua criação no governo passado. Segundo esses agentes, Jeremias Morais promoveu alguns avanços na parte estrutural de equipou melhor o trabalho do trânsito de Timon. Eles disseram que ainda existe problemas que podem ser corrigidos, mas é notório o avanço da gestão de Jeremias.

Segundo informações, os agentes de trânsito deverão fazer uma homenagem ao diretor e na segunda-feira ele deverá entregar, por escrito e definitivo o seu pedido de desligamento do órgão.

Jeremias Morais ocupou a pasta por mais de seis anos, sendo quatro do primeiro governo de Luciano Leitoa, permanecendo no cargo no segundo governo até então.

Ouça o áudio da entrevista concedida pelo advogado Jaconias ao blog

 

 

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

São Luís está entre os 20 destinos nacionais mais procurados na Black Friday, segundo a Decolar

São Luís foi apontada como um dos 20 destinos mais procurados durante a campanha de Black Friday da companhia de viagens on-line Decolar. A...

TRF1 aceita denúncia do MPF contra prefeito de Pinheiro (MA) e mais seis pessoas por fraudes e desvio de recursos

Eles responderão por crimes de responsabilidade, lavagem de capitais e organização criminosa, na medida de suas participações Por unanimidade, o Tribunal Regional Federal da 1ª...

Facebook deve restituir conta invadida e pagar indenização a usuário

O Juizado Cível e Criminal da cidade de Codó condenou a plataforma social Facebook a restabelecer a conta de usuário Tiago Tales Silva Sousa,...
Jeremias deixa o Dmtrans para seguir irmão candidato a prefeito
O Diretor do Departamento Municipal de Trânsito (Dmtrans), de Timon, Jeremias Morais já comunicou, extra-oficialmente, sua decisão de se afastar do órgão. Segundo apurou o blogdoribinha, o comunicado foi feito ao secretário de Governo, João Batista Ponte, que já deve ter informado ao prefeito Luciano Leitoa a saída do seu auxiliar. A decisão do Jeremias Morais segue a orientação de seu irmão o advogado Jaconias Morais, que tem pretensão de disputar o cargo de prefeito de Timon na eleição de 2020 e especulava-se que sua candidtura encontrava empecilho na permanência dos irmãos na base do governo Leitoa. Quanto ao vereador Juarez Morais (SDD), que pertence à base do governo, o próprio Jaconias em entrevista ao blog (reveja matéria) disse que o parlamentar deverá tomar o mesmo destino de Jeremias e anunciar também apoio à sua candidatura. Balanço positivo Em conversa com alguns agentes de trânsito de Timon eles avaliaram como positiva a passagem de Jeremias Morais pelo órgão, que segundo eles, não tinha a estrutura que hoje é disponiblizada ao órgão desde sua criação no governo passado. Segundo esses agentes, Jeremias Morais promoveu alguns avanços na parte estrutural de equipou melhor o trabalho do trânsito de Timon. Eles disseram que ainda existe problemas que podem ser corrigidos, mas é notório o avanço da gestão de Jeremias. Segundo informações, os agentes de trânsito deverão fazer uma homenagem ao diretor e na segunda-feira ele deverá entregar, por escrito e definitivo o seu pedido de desligamento do órgão. Jeremias Morais ocupou a pasta por mais de seis anos, sendo quatro do primeiro governo de Luciano Leitoa, permanecendo no cargo no segundo governo até então. Ouça o áudio da entrevista concedida pelo advogado Jaconias ao blog