Cala boca: Dinair Veloso paga 7 mil e 740 reais em diárias para que assessores de Secretaria acompanhe estreia de time de futebol

spot_img
Compartilhe:

O radialista e dirigente do Juventude Timonense, Jorge Simplício não tem mais do que reclamar e nem criticar a prefeita Dinair Veloso, usando seu programa na Rádio Celestial, para dizer que a gestora não é sensível e não apoia seu time. (Reveja sobre o assunto e ouça o áudio das criticas feitas pelo radialista à prefeita Dinair: Radialista aliado critica gestão de Dinair por falta de apoio ao futebol feminino).

A prefeita está pagando diárias para seis servidores – todos assessores da Secretaria de Esportes de Timon -, para que eles acompanhem o time de Jorge Simplício, no período de 13, ontem, a 18 deste mês, durante a participação do escrete feminino no Campeonato Maranhense de Futebol Feminino 2021. A publicação dessa farra está na segunda página do Diário Oficial do Município do dia 09.04.2021. (Veja).

O pagamento desse absurdo de diárias para seis assessores participarem do mesmo evento, onde medidas restritivas são impostas, não tem como não se associar-se às críticas que o dirigente vinha fazendo contra a gestora, ainda mais quando se tem registro de que esse número expressivo de assessores, só foi enviado a São Luiz, no caso de eventos em que a Secretaria de Esportes participasse como apoio direto ao esporte de Timon e do Maranhão.

O custo dessa “sensibilidade” aos cofres para evitar que Jorge Simplício solte a língua contra a gestão de Dinair Veloso é de 7 mil 740 reais. Dizem às más línguas,  que essa foi a “fórmula” encontrada pela gestão para “agradar” o dirigente e radialista.

 

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

1 COMENTÁRIO

  1. E pode ter certeza que isso não passa de rachadinha, pq os assessores não foram, somente receberam os valores e entregaram ao Jorge

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Senhor dos Anéis: Moraes manda “CNN”, “Veja” e “GNews” quebrarem sigilo da fonte jornalística

O ministro quer quer o conteúdo das entrevistas com Marcos do Val sejam comparados ao depoimento dele à PF Os três veículos de imprensa...

Proposta de “oposição unida” em Timon terá que enfrentar o primeiro obstáculo: cargos

Nomeações para cargos em Timon deverá ser o primeiro desafio da proposta de união da oposição a começar pelos aliados do governador. Muito embora tenham...

Tudo o que os governistas de Timon não queriam, poderá acontecer em 2024. Oposição trabalha pela união

Oposição de Timon, realizou em São Luiz, ontem, a primeira reunião para tratar da união do grupo e vencer as eleições em 2024. Em reunião,...
O radialista e dirigente do Juventude Timonense, Jorge Simplício não tem mais do que reclamar e nem criticar a prefeita Dinair Veloso, usando seu programa na Rádio Celestial, para dizer que a gestora não é sensível e não apoia seu time. (Reveja sobre o assunto e ouça o áudio das criticas feitas pelo radialista à prefeita Dinair: Radialista aliado critica gestão de Dinair por falta de apoio ao futebol feminino). A prefeita está pagando diárias para seis servidores - todos assessores da Secretaria de Esportes de Timon -, para que eles acompanhem o time de Jorge Simplício, no período de 13, ontem, a 18 deste mês, durante a participação do escrete feminino no Campeonato Maranhense de Futebol Feminino 2021. A publicação dessa farra está na segunda página do Diário Oficial do Município do dia 09.04.2021. (Veja). O pagamento desse absurdo de diárias para seis assessores participarem do mesmo evento, onde medidas restritivas são impostas, não tem como não se associar-se às críticas que o dirigente vinha fazendo contra a gestora, ainda mais quando se tem registro de que esse número expressivo de assessores, só foi enviado a São Luiz, no caso de eventos em que a Secretaria de Esportes participasse como apoio direto ao esporte de Timon e do Maranhão. O custo dessa "sensibilidade" aos cofres para evitar que Jorge Simplício solte a língua contra a gestão de Dinair Veloso é de 7 mil 740 reais. Dizem às más línguas,  que essa foi a "fórmula" encontrada pela gestão para "agradar" o dirigente e radialista.