Com superação e reeleição, Deputado Rafael se torna o grande articulador do Governo Brandão

spot_img
Compartilhe:

A reeleição do Deputado Rafael lhe permite e determina que ele seja o grande articulador do Governo Brandão, na Assembleia Legislativa, onde foi líder do governo e acumula experiências, mas também o condutor do processo em Timon, por motivos óbvios. Sua votação com os 16 mil 112 votos obtidos na cidade e no âmbito geral com 49 mil 798 no Maranhão sendo o sexto mais bem votado do PSB, partido pelo qual o governador foi reeleito em primeiro turno.

Sem demérito para os demais concorrentes e aliados, mas o Deputado Rafael tem seus méritos próprios e soube se beneficiar muito bem das prerrogativas de deputado aliado do governo com benefícios e obras nas cidades onde teve voto e consideradas bases  eleitorais e mostrou com força politica o trabalho que desenvolveu.

Ademais, o Deputado Rafael percorreu na pré-campanha e campanha os caminhos mais difíceis e que nenhum outro aliado do governador quis percorrer. À princípio, por conta disso, sua reeleição passou a ser dúvida, mas ele teve que enfrentar todos os obstáculos e dificuldades politicas para chegar até a sua reeleição.

Na questão partidária, por exemplo, enquanto muitos dos aliados buscavam partidos com menor densidade e concorrência, o Deputado Rafael foi corajoso e se filiou a PSB, partido até então chamado de “chapão” com inúmeros candidatos fortes com mandatos e outros com força eleitoral e volume para se eleger deputado pela primeira vez e tomar a vaga dos de mandato, como realmente aconteceu. Isso no âmbito geral foi uma grande dificuldade.

A questão partidária, em sua principal base também lhe trouxe dificuldades, pois até os aliados imaginavam que defender o número 40, do PSB, fosse empecilho para sua campanha na cidade devido a identificação com seu antigo grupo politico e familiar.

Mas se essa dificuldades assombravam, a decisão de rompimento com o grupo Leitoa talvez tenha sido o momento mais duvidoso de sua reeleição, pois na cidade de Timon, muitos ainda acreditavam que o  Deputado continuaria convivendo com o desgaste da Família Leitoa e que a quantidade de votos na cidade se abateriam de tal forma que não fossem capaz de lhe garantir a eleição com os votos de fora da cidade.

Quanto a isso, o Deputado Rafael teve que se superar duas vezes. Primeiro com a rotulagem traiçoeira do primeiro candidato colocado pelo seu grupo que não perdeu um só momento da pré-campanha para atacá-lo. A desistência desse candidato e a substituição por seu filho significava que seria “dois contra um”, e apesar do intuito e do objetivo de superar o candidato e atrapalhar a reeleição do parlamentar timonense, mais uma vez o Deputado Rafael conseguiu se superar e superar seus adversários.

Portanto, todas essas dificuldades traçadas e superadas pelo Deputado Rafael lhe colocam nessa condição de, com sua reeleição se condicionar, lhe permitir e determinar ser o articulador do Governo Brandão com méritos dentro do Marnhão e principalmente em sua maior base eleitoral Timon.

É isso!

 

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Josimar do Maranhãozinho faz investida ao casal Assis e Janaína Ramos

A conversa proveitosa entre os três beneficia o suplente de deputado Henrique Junior em seu projeto de ser o próximo prefeito de Timon Um encontro...

Governo do Maranhão disponibiliza testagem da Covid-19 para moradores da Capital

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), disponibilizou o serviço de testagem para diagnóstico da Covid-19 à população...

Bronquite, laringite, sinusite? Pode ser adenovírus

Família de mais de 60 tipos de vírus costuma afetar crianças no final do ano; saiba como prevenir e tratar Por Elainy Castro Com a temporada...
A reeleição do Deputado Rafael lhe permite e determina que ele seja o grande articulador do Governo Brandão, na Assembleia Legislativa, onde foi líder do governo e acumula experiências, mas também o condutor do processo em Timon, por motivos óbvios. Sua votação com os 16 mil 112 votos obtidos na cidade e no âmbito geral com 49 mil 798 no Maranhão sendo o sexto mais bem votado do PSB, partido pelo qual o governador foi reeleito em primeiro turno. Sem demérito para os demais concorrentes e aliados, mas o Deputado Rafael tem seus méritos próprios e soube se beneficiar muito bem das prerrogativas de deputado aliado do governo com benefícios e obras nas cidades onde teve voto e consideradas bases  eleitorais e mostrou com força politica o trabalho que desenvolveu. Ademais, o Deputado Rafael percorreu na pré-campanha e campanha os caminhos mais difíceis e que nenhum outro aliado do governador quis percorrer. À princípio, por conta disso, sua reeleição passou a ser dúvida, mas ele teve que enfrentar todos os obstáculos e dificuldades politicas para chegar até a sua reeleição. Na questão partidária, por exemplo, enquanto muitos dos aliados buscavam partidos com menor densidade e concorrência, o Deputado Rafael foi corajoso e se filiou a PSB, partido até então chamado de "chapão" com inúmeros candidatos fortes com mandatos e outros com força eleitoral e volume para se eleger deputado pela primeira vez e tomar a vaga dos de mandato, como realmente aconteceu. Isso no âmbito geral foi uma grande dificuldade. A questão partidária, em sua principal base também lhe trouxe dificuldades, pois até os aliados imaginavam que defender o número 40, do PSB, fosse empecilho para sua campanha na cidade devido a identificação com seu antigo grupo politico e familiar. Mas se essa dificuldades assombravam, a decisão de rompimento com o grupo Leitoa talvez tenha sido o momento mais duvidoso de sua reeleição, pois na cidade de Timon, muitos ainda acreditavam que o  Deputado continuaria convivendo com o desgaste da Família Leitoa e que a quantidade de votos na cidade se abateriam de tal forma que não fossem capaz de lhe garantir a eleição com os votos de fora da cidade. Quanto a isso, o Deputado Rafael teve que se superar duas vezes. Primeiro com a rotulagem traiçoeira do primeiro candidato colocado pelo seu grupo que não perdeu um só momento da pré-campanha para atacá-lo. A desistência desse candidato e a substituição por seu filho significava que seria "dois contra um", e apesar do intuito e do objetivo de superar o candidato e atrapalhar a reeleição do parlamentar timonense, mais uma vez o Deputado Rafael conseguiu se superar e superar seus adversários. Portanto, todas essas dificuldades traçadas e superadas pelo Deputado Rafael lhe colocam nessa condição de, com sua reeleição se condicionar, lhe permitir e determinar ser o articulador do Governo Brandão com méritos dentro do Marnhão e principalmente em sua maior base eleitoral Timon. É isso!