Famílias baixa renda permanecem com bandeira verde no mês abril

spot_img
Compartilhe:

Em abril não será cobrado custo adicional de famílias cadastradas na tarifa social.

Para o mês de abril, a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) anunciou que manterá a bandeira tarifária verde aos consumidores beneficiários da Tarifa Social de Energia Elétrica. Isto quer dizer que não será cobrado custo adicional na tarifa das famílias cadastradas como baixa renda. Para os demais consumidores, a bandeira tarifária vigente até o próximo mês (abril) é a de Escassez Hídrica, no valor é de R$ 14,20 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos.

Mesmo ultrapassando o marco de 1 milhão de clientes cadastrados na Tarifa Social, a Equatorial Maranhão sinaliza que uma força tarefa está sendo feita para alcançar as mais de 250 mil famílias que possuem direito ao benefício e podem se cadastrar para economizar na conta de energia. A gerente de relacionamento com o cliente, Francila Soares orienta que as pessoas que se enquadram nos critérios devem se cadastrar para obterem descontos de até 65% na fatura de energia. “Para realizar o cadastro, os clientes aptos a receberem o benefício podem entrar em contato com a Clara, assistente virtual da distribuidora tendo em mãos o número da conta contrato, número do NIS (Número de Inscrição Social) e caso não seja o titular da conta, informar o nome completo, CPF, RG, data de nascimento e o nome da mãe do titular”, destaca.

Como se cadastrar na Tarifa Social de Energia Elétrica

Quem ainda não possui NIS – Número da Identificação Social, deve procurar o CRAS mais próximo para se cadastrar. Para quem já possui o NIS atualizado, pode buscar um dos canais de atendimento da Equatorial Maranhão para solicitar adesão à Tarifa Social. Para saber se você tem o NIS ou se ele ainda está ativo, ligue para a Central de relacionamento do Secretaria Especial do Desenvolvimento Social: 0800 707 2003.

Os canais de atendimento para cadastro na TSEE, para clientes que já possuem o NIS ativo são: WhatsApp (Assistente Virtual Clara) – (98) 2055-0116; Site: www.equatorialenergia.com.br; Central 116; Postos de Atendimento presencial da Equatorial Maranhão e APP Equatorial. Vale ressaltar que a TSEE é um benefício concedido pelo Governo Federal, desde 2002, e beneficia as famílias de baixa renda, quilombolas, indígenas ou que recebam o Benefício da Prestação Continuada – BPC. Também estão aptas famílias cujo membro dependa da energia elétrica para sobrevivência (equipamento vital).

Continue economizando:

O país ainda está passando por um momento de escassez hídrica. Assim, a Equatorial Maranhão mantém o alerta aos clientes sobre a necessidade de continuar consumindo energia de maneira consciente, sem desperdícios, seguindo as dicas de economia de energia.

Evite:

• Deixar aparelhos em modo stand-by;
• Colocar o celular para carregar à noite;
• Deixar lâmpadas acesas durante o dia ou em ambientes que não estão sendo utilizados;
• O “abre e fecha” da geladeira ao longo do dia;
• Deixar o ferro de passar ligado enquanto faz outra coisa;
• Não colocar alimentos quentes dentro da geladeira.

Assessoria de Imprensa da Equatorial Maranhão

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

spot_img

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Moradores do São Benedito são contemplados com o evento Águas de Timon

“Ações que falam sobre saneamento, com apresentações artísticas, oportunidade para os pequenos empreendedores e diversão para as crianças são positivas para a população. É...

Em audiência na Defensoria Pública, Vereador PA propõe soluções para atendimento da população

O vereador se reuniu com o coordenador da Defensoria Pública em Timon e buscou solucionar os problemas Atendendo às reclamações demandadas da população que procura...

Deputada Socorro Waquim presta solidariedade e pesar à família pelo falecimento de “Manoel Vaqueiro”

Manoel Alves faleceu ontem, 19, em Timon, em sua casa de causa natural aos 107 anos. Através do blogdoribinha, a deputada Socorro Waquim manifestou seu...