Nomeação de ativista Hosaías Desidério como secretário de Dinair deixa aliados dos Leitoas em polvorosa

spot_img
Compartilhe:

Chamou muito mais à atenção dos governistas aliados dos ex-prefeitos Luciano e Chico Leitoa a nomeação do ativista politico Hosaias Desidério para assumir cargo de primeiro escalão na gestão de Dinair Veloso, em Timon, que dos membros da oposição que “combateram o bom combate” do embate eleitoral recente na cidade.

Ao que parece, para os oposicionistas, diante do papel que o ex-aliado de Jaconias Morais exerceu quando coordenador de campanha e principalmente, na semana em que o candidato  do PSC assumiu publicamente a candidatura do comandante Schnneider emprestando-lhe seu apoio politico, uma secretaria do governo criada para Hosaias Desidèrio pela prefeita estaria de bom tamanho.

Assim que Joconias Moraes declarou apoio a Schnneyder numa junção para favorecer o candidato do Republicanos, Hosaías, até ali aliado de Jaconias e ferrenho adversário declarado de ex-comandante, adotou a candidatura do PSC a prefeito, inclusive dando suporte e logística para que alguns dos candidatos a vereador não desistissem ou aderissem também. Isso, segundo, pessoas próximas a Desidério, garantiu a vitória de Dinair.

Mas se esses são fatos públicos, os aliados estranham a nomeação de Hosaías Desidério para um cargo de primeiro escalão enquanto muitos aliados, inclusive, históricas nas lutas do Grupo Leitoa, “continuam a ver navios” dentro do atual governo, sem cargos e alguns, inclusive, perdendo espaços para os que chegaram agora.

Se houve acordo ou não entre a decisão de Hosaías Desidério em manter o grupo em nome de Jaconias Morais e parte dos seus candidatos a vereador em troca de uma secretaria da gestão atual, isso ninguém pode dizer, mas pelo se conhece do ativista politico, que como empresário agora do ramo gráfico, prevaleceu aí sua antiga profissão que é a de faze a cabeça dos outros, principalmente das mulheres onde ele deixa uma marca e seu toque especial.

Será que ele também fez a cabeça de pai e filho?

Ao ser perguntado pelo blog sobre comentários que rodam na cidade de ele estaria a serviço dos leitoas na eleição de 2020, quando decidiu manter a candidatura de Jaconias, ouça o posicionamento esses comentários:

Compartilhe:

Talvez você queira ler também

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Propaganda

spot_img

Propaganda

Relacionados

- Propaganda -spot_img
- Propaganda -spot_img

Últimas

Mercado de trabalho: Programa de Trainee Aegea está com inscrições abertas para Timon

Os interessados podem se inscrever até o dia 24 de outubro, de forma on-line A Aegea, empresa líder no setor de saneamento privado no Brasil,...

Carlos Brandão é reeleito governador, Timon terá dois deputados e Leitoas saem enfraquecidos do pleito

O governador Carlos Brandão liderou a disputa em primeiro turno pelo governo do Maranhão a partir das primeiras urnas abertas ontem, às 18h, até...

Águas de Timon celebra conclusão do projeto Desvendar Esporte

Nesta quinta-feira (29), a Águas de Timon celebrou a conclusão das atividades do projeto Desvendar Esporte, patrocinado pela Águas de Timon, durante ação no...
Chamou muito mais à atenção dos governistas aliados dos ex-prefeitos Luciano e Chico Leitoa a nomeação do ativista politico Hosaias Desidério para assumir cargo de primeiro escalão na gestão de Dinair Veloso, em Timon, que dos membros da oposição que "combateram o bom combate" do embate eleitoral recente na cidade. Ao que parece, para os oposicionistas, diante do papel que o ex-aliado de Jaconias Morais exerceu quando coordenador de campanha e principalmente, na semana em que o candidato  do PSC assumiu publicamente a candidatura do comandante Schnneider emprestando-lhe seu apoio politico, uma secretaria do governo criada para Hosaias Desidèrio pela prefeita estaria de bom tamanho. Assim que Joconias Moraes declarou apoio a Schnneyder numa junção para favorecer o candidato do Republicanos, Hosaías, até ali aliado de Jaconias e ferrenho adversário declarado de ex-comandante, adotou a candidatura do PSC a prefeito, inclusive dando suporte e logística para que alguns dos candidatos a vereador não desistissem ou aderissem também. Isso, segundo, pessoas próximas a Desidério, garantiu a vitória de Dinair. Mas se esses são fatos públicos, os aliados estranham a nomeação de Hosaías Desidério para um cargo de primeiro escalão enquanto muitos aliados, inclusive, históricas nas lutas do Grupo Leitoa, "continuam a ver navios" dentro do atual governo, sem cargos e alguns, inclusive, perdendo espaços para os que chegaram agora. Se houve acordo ou não entre a decisão de Hosaías Desidério em manter o grupo em nome de Jaconias Morais e parte dos seus candidatos a vereador em troca de uma secretaria da gestão atual, isso ninguém pode dizer, mas pelo se conhece do ativista politico, que como empresário agora do ramo gráfico, prevaleceu aí sua antiga profissão que é a de faze a cabeça dos outros, principalmente das mulheres onde ele deixa uma marca e seu toque especial. Será que ele também fez a cabeça de pai e filho? Ao ser perguntado pelo blog sobre comentários que rodam na cidade de ele estaria a serviço dos leitoas na eleição de 2020, quando decidiu manter a candidatura de Jaconias, ouça o posicionamento esses comentários: